Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram Sportbuzz
Futebol » Sem papas na língua

Cristiano Ronaldo critica mercado futebolístico: “Qualquer jogador vale 100 milhões”

Em entrevista, astro português ainda relembrou a acusação de estupro que recebeu em 2018

SportBuzz Digital Publicado em 21/08/2019, às 12h51

None
- Cristiano Ronaldo (Crédito: Reprodução/Instagram)

Cristiano Ronaldo foi um dos mais recentes convidados para participar de uma entrevista na emissora portuguesa TVI. Curtindo o começo de mais uma temporada e aguardando o resultado de mais uma possível Bola de Ouro, o craque da Juventus abriu o jogo sobre diversos assuntos, tanto pessoais, quanto profissionais.

Um dos momentos mais expressivos da conversa foi quando o atacante fez uma crítica bem elaborada sobre o atual momento que o mercado futebolístico vive. Em seu ponto de vista, os preços dos jogadores estão cada vez mais inacreditáveis. 

“Hoje em dia, os preços praticados são surreais. Agora qualquer jogador sem ter provado nada vale 100 milhões de euros. Isto é uma loucura. Vê-se centrais e goleiros sendo transferidos por valores astronômicos”, disse o astro.

Após a reflexão, o atleta relembrou a polêmica que se envolveu em 2018, quando foi acusado de estupro. Mesmo com o caso arquivado, por falta de provas, Cristiano disse que dói lidar com este tipo de acusação.

“2018 foi provavelmente o ano difícil para mim, a nível pessoal. Quando colocam a tua honra em causa dói muito, porque tenho família e um filho que já percebe tudo. Mas, uma vez mais, foi provado como os meus amigos e a minha família sabiam, que sou inocente”, pontuou CR7.

Por fim, o grande nome do futebol mundial tranquilizou os fãs ao dizer que ainda não pensa em anunciar sua aposentadoria. 

“Será que há algum jogador de futebol que tenha mais recordes do que eu? Tem (mais) prêmios? Se tiver prêmios, vamos lá! Mas há outras prioridades: as crianças, uma família, uma mulher, só Deus é que sabe. Posso abandonar no ano que vem ou jogar até aos 40. Quero desfrutar o momento”, reforçou ele.