Sportbuzz
Testeira
Futebol / COPA DO BRASIL

Criciúma vence Fluminense em casa e abre vantagem nas oitavas da Copa do Brasil

Com um gol em cada tempo, Criciúma confirma primeira vitória na competição e sai em vantagem por vaga nas quartas de final

Redação Publicado em 27/07/2021, às 21h13 - Atualizado às 21h15

Criciúma vence Fluminense em casa e abre vantagem nas oitavas da Copa do Brasil - Transmissão/ SporTV
Criciúma vence Fluminense em casa e abre vantagem nas oitavas da Copa do Brasil - Transmissão/ SporTV

O Criciúma venceu o Fluminense por 2 a 1 nesta terça-feira, 27, no estádio Heriberto Hülse, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Fellipe Mateus (pênalti) e Hygor marcaram pelo time da casa. Abel Hernández (também de pênalti) descontou para o Tricolor.

Com o resultado, o Tigre terá a vantagem do empate no jogo de volta, no Maracanã, para se classificar às quartas. Já o Flu precisa de uma vitória por um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis. Se vencer por dois gols ou mais, o Tricolor se classifica no tempo normal. Vale lembrar que gol marcado fora de casa não é critério de desempate na competição.

Depois de quatro empates em quatro jogos, o time catarinense conquistou a primeira vitória na competição. O Criciúma chegou às oitavas vencendo o América-MG nos pênaltis. O Fluminense avançou para esta fase depois de eliminar o Red Bull Bragantino na Terceira Fase, com uma vitória por 2 a 0 (casa) e uma derrota por 2 a 1 (fora).

As equipes se enfrentam pelo jogo de volta no próximo sábado, 31, às 16h30 (de Brasília), no Maracanã. Na terça-feira, 3, o Fluminense terá o jogo de volta contra o Cerro Porteño, em casa, pelas oitavas de final da Libertadores, e definirá a última vaga das quartas de final. O Tricolor tem a vantagem de 2 a 0 no placar.

O jogo

O Criciúma teve a primeira finalização da partida, aos dois minutos. Alemão cobrou o escanteio e Manoel fez o corte, dando rebote a Fellipe Mateus, que aproveitou e chutou para o gol. O goleiro Marcos Felipe encaixou.

Na primeira grande chance do Fluminense no primeiro tempo, aos 20 minutos, Yago fez a tabela com Luiz Henrique pela direita e chutou de fora da área, mas mandou no meio do gol para a defesa tranquila do goleiro Gustavo.

Aos 29 minutos, o time da casa chegou com Hygor, que apareceu na pequena área após contra-ataque e tentou aproveitar o cruzamento para empurrar para o gol, mas não conseguiu alcançar a bola. No minuto seguinte, Dudu Figueiredo tentou duas vezes de fora da área, mas parou em Yago e depois em Marcos Felipe.

O time da casa abriu o placar aos 39 minutos do primeiro tempo, com gol de Hygor. Após vacilo do Fluminense perto da grande área, Eduardo ficou com a sobra da bola e chutou para o gol. A bola desviou em Hygor e entrou: 1 a 0.

Sem jogar bem no primeiro tempo, com muitos erros de passe, o Fluminense teve a chance de chegar ao empate aos 41 minutos. Nenê cobrou o escanteio pela esquerda e encontrou Fred, que cabeceou com perigo por cima do gol.

O Fluminense começou o segundo tempo com tudo, pressionando o Criciúma. Aos cinco minutos, Martinelli lançou para Samuel Xavier, que fez o cruzamento para a área. Manoel chutou para o gol, a bola bateu na defesa e Luccas Claro, na sobra, tentou de bicicleta. Falta de ataque foi marcada no lance.

O Criciúma ampliou o placar aos 20 minutos do segundo tempo, de pênalti. Dudu foi derrubado por Egídio na área e o árbitro mandou seguir. O VAR entrou em ação, o árbitro analisou o lance e assinalou a penalidade. Fellipe Mateus foi para a cobrança, deslocou Marcos Felipe e marcou o segundo do jogo: 2 a 0.

Aos 24 minutos, o Fluminense descontou depois que o árbitro assinalou pênalti por toque de Hélder nas costas de Luccas Claro. O lance não foi revisado pelo VAR e a decisão de campo foi mantida. Abel Hernández bateu do lado esquerdo, Gustavo acertou o lado, mas não evitou o gol do atacante: 2 a 1.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!