Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / FALA, PROFESSOR!

Corinthians: Vítor Pereira lamenta erros, mas valoriza empate

O Corinthians recebeu o Boca Juniors no jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores e ficou no empate depois de errar muito durante a partida

Redação Publicado em 29/06/2022, às 08h26

Vítor Pereira lamenta empate, mas elogia Corinthians - Crédito: Getty Images
Vítor Pereira lamenta empate, mas elogia Corinthians - Crédito: Getty Images

O Corinthians começou a fase mata-mata da Libertadores com um empate em 0 a 0 contra o Boca Juniors na Neo Química Arena. O confronto, marcado por muitos erros do lado Alvinegro e por um desempenho muito bom de Cássio, terminou com um resultado que pode complicar o Timão no jogo de volta, na Bombonera.

O clube paulista até teve boas chances de vencer o confronto, mas não aproveitou. A oportunidade mais clara do jogo foi de Roger Guedes, em um pênalti marcado a favor da equipe da casa, mas o atacante parou no goleiro Rossi e não converteu a penalidade. Além disso, o Timão não teve o desempenho ofensivo que se esperava.

CANAL - SPORTBUZZ

Após o empate, Vítor Pereira lamentou o resultado e revelou que preferia vencer por um gol de diferença, mas lembrou sobre os desfalques que a equipe vem enfrentando a essa altura da temporada. Sem Gustavo Silva, Renato Augusto, Du Queiroz, Paulinho, Maycon, Cantillo,Rafael Ramos, Gil e, agora, Fagner e Willian, o treinador revelou que o Corinthians jogou no limite das opções que tinha disponível para o confronto.

"Queríamos um 1-0 ou 2-1, mas não foi possível, mas jogamos com elenco que tínhamos disponível, arranjamos uma forma de contrariar o Boca e criar dificuldades. Jogamos no limite das opções que temos. Fizemos bons jogos, lutamos, passamos alguns momentos de dificuldade, eles com muitas opções a dispor, e nós pelo calendário que temos somos afetados na Libertadores. Queríamos apresentar nossa melhor força, mas o calendário brasileiro vai nos massacrando e retirando jogadores. Hoje, mais dois", disse.

Corinthians tem muitos desfalques
Corinthians fica no empate com Boca Juniors mesmo repleto de desfalques - Crédito: Getty Images

Criticando o calendário apertado, o treinador revelou que a equipe irá descansar, já que tem o confronto contra o Fluminense no final de semana e depois já enfrenta o Boca Juniors novamente no jogo de volta. Mesmo com o cenário adverso, o treinador se mostrou orgulhoso da equipe e revelou que nunca teve tantos desfalques em uma equipe.

"Realmente, nunca na minha vida, na minha carreira, tive um cenário deste. São muitos jogadores, dá quase para fazer uma equipe. Quando pegamos o Boca da última vez tínhamos muito mais soluções. Mas no espírito Corinthians, ficou de igual para igual e podíamos ter saído com a vitória. Isso nos orgulha. É tentar sobreviver a essa maré, a essa tempestade, seguirmos nos mantendo vivos. A eliminatória está em aberto. Vamos lá para lutar por vitória. Mas hoje teremos Fagner e Willian a ser avaliados, mas não me parecem lesões de três ou quatro dias", lamentou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!