Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / VISH!

Corinthians toma atitude sobre Roger Guedes e Vítor Pereira

A diretoria do Corinthians entrou em ação na polêmica entre Roger Guedes e Vítor Pereira e tentou amenizar a situação entre as partes; confira!

Redação Publicado em 23/05/2022, às 19h19

Corinthians, Roger Guedes e Vítor Pereira buscam entendimento da relação - GettyImages
Corinthians, Roger Guedes e Vítor Pereira buscam entendimento da relação - GettyImages

O Corinthians quer resolver os problemas entre Vítor Pereira e Roger Guedes. De acordo com informações do site "Globo Esporte", a diretoria do Timão entrou em ação e conversou com os responsáveis pela carreira do atacante sobre as declarações do treinador português. Segundo a publicação, as duas partes entenderam que não é momento para polêmicas. 

A diretoria do Corinthians foi até o estafe de Roger Guedes e tentou explicar as falas pesadas de Vítor Pereira durante a entrevista coletiva do último domingo, 22. Na oportunidade, o atacante não entrou em campo pela terceira vez consecutiva e chamou atenção dos jornalistas. O treinador foi perguntado sobre o tema e garantiu que o atleta não tem jogador por falta de desempenho nas partidas e nos treinamentos. 

Canal - SportBuzz

Era esperado que Roger Guedes fosse a público responder Vítor Pereira depois das fortes declarações que o treinador deu na coletiva, mas o silêncio vai reinar por parte do atacante. Seguindo as informações do site "Globo Esporte", o jogador vê o campo de futebol como único jeito de dar a resposta que o comandante português merece. 

Roger Guedes, que não joga há três jogos pelo Corinthians, é o artilheiro da equipe na temporada com sete gols. O camisa 9 não conquistou a confiança de Vítor Pereira e aos poucos perdeu o seu prestígio com o português. Sendo assim, para não criar qualquer tipo de polêmica com o técnico, ele vai tentar responder às críticas com seu futebol e desempenho nos treinos e partidas importantes. 

Vítor Pereira em ação
Vítor Pereira e Roger Guedes ainda não vivem o seu melhor relacionamento no Corinthians (Crédito: GettyImages)

Uma oportunidade para Roger Guedes mostrar que ainda pode surpreender Vítor Pereira e se tornar uma peça importante do Corinthians é nesta quinta-feira, 26, às 21h (horário de Brasília), contra o Always Ready. O Timão precisa da classificação na Libertadores e sonha com a vaga nas oitavas de final, mas é necessário vencer os bolivianos para conseguir o objetivo e o atleta pode ganhar uma chance.

Confira as declarações de Vítor Pereira sobre Roger Guedes na coletiva do último domingo, 22!

"Não tenho problema pessoal nenhum com nenhum jogador. Estou aqui para ajudá-los, para que melhorem em qualidade. Mas eu tenho que fazer a equipe e escolher as substituições em função do que eles me dão em treino e jogo. Portanto, o Róger que já teve momento bom, fez gols, hoje é um jogador que está com alguma dificuldade de responder mesmo em termos de treino, em termos de lutar para dar a volta", afirmou. 

Vítor Pereira continuou falando sobre o Corinthians e Roger Guedes: "Tomara eu que ele me transmitisse a confiança para contar com ele para alterar um jogo ou começar uma partida. Mas eu não estou sentindo esta confiança. Isto não quer dizer que ele não queira, não estou dizendo isso. Mas nem em termos de treino, nem em termos de jogo, as indicações são essas. Não posso tomar decisões com base no nome do Róger Guedes ou do que ele já fez, mas do que ele está fazendo agora".

Se me perguntar, eu queria treinar o Liverpool, com todo respeito que tenho ao Corinthians. Aqui não é o que queremos, no meu conceito, em termos de jogo, não é o que queremos, é o que a equipe precisa. Às vezes a equipe precisa do Róger na esquerda, em outras é dele no meio, ou na direita", explicou.

De acordo com Vítor Pereira, Roger Guedes pode dar a volta por cima no Corinthians: "Ele tem de ter capacidade de dar resposta ou ter a intenção de dar a resposta. Com compromisso defensivo, ou a equipe se desequilibra. Por isso o 10 de antigamente desapareceu, porque ele ficava à espera da bola. Ele tenta, mas eu preciso de uma resposta mais forte. "Estou aqui para lutar, para jogar 10, 20, 30 ou 90, mas estou aqui para ajudar onde for. O espírito tem que ser esse para mim".


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!