Sportbuzz
Testeira
Futebol / CRESCENDO NO CLUBE!

Corinthians: Raul Gustavo fala sobre conversas com Vítor Pereira

Zagueiro da base do Corinthians, Raul Gustavo detalhou como se sente em defender o clube, seu papel dentro do elenco e diálogos com o treinador

Redação Publicado em 29/04/2022, às 16h57

Raul Gustavo, do Corinthians - Reprodução/Youtube
Raul Gustavo, do Corinthians - Reprodução/Youtube

Nesta sexta-feira, 29, o camisa 34 do Corinthians, Raul Gustavo, concedeu uma entrevista coletiva no CT Dr. Joaquim Grava. O atleta, que vem ganhando espaço dentro do elenco, falou sobre a sensação em fazer parte do alvinegro, os casos de racismo nos campeonatos sul-americanos e seu atual momento na temporada.

“Fico feliz em ajudar o Corinthians, que é o que importa”, afirmou o atleta. “Mas não me coloco como titular ainda, prefiro pensar que o professor vai optar por quem estiver melhor para os jogos. Procuro aproveitar as oportunidades”. Raul reforçou como ainda faltam alguns passos para se sentir merecedor da titularidade.

 

CANAL - SPORTBUZZ:

“Eu sou um cara que penso muito no time que estou. Se for chegar para agregar ao Corinthians, ficarei muito feliz. Titularidade a gente não agarra, nós treinamos para jogar. Tendo mais opções no setor defensivo vai ser bastante importante para nós, que teremos muitos jogos”. O atleta aproveitou para descrever sua relação com o técnico Vítor Pereira.

“O Vítor é um treinador muito atencioso e participativo. Todos os trabalhos que fazemos, tanto com geral, como os específicos, ele nos observa. O trabalho é igual para todos”, explicou. “Mas ele observa cada um da melhor maneira possível para, no fim do treino, te passar o que precisa fazer para crescer”. Sobre os casos de racismo em campeonatos da Conmebol, o zagueiro desabafou: 

Vítor Pereira do Corinthians
Vítor Pereira, técnico do Corinthians

 

“É um assunto que me deixa muito triste. No futebol temos que espalhar alegria, o amor para as torcidas apaixonadas", pontuou. "Esse ato de racismo é muito triste. Nesse momento delicado temos que estar juntos. O Corinthians até fez a campanha do futebol sem ódio. Eu peço para os outros times, as outras torcidas, não aceitarem isso. É um fato muito triste para nós. Sofremos isso todos os dias”.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!