Sportbuzz
Testeira
Futebol / O HEXA VEM?

Copa do Mundo: Especialista revela como preparação mental pode ajudar

Copa do Mundo do Catar pode dar ao Brasil no final do ano o hexacampeonato, mas a preparação mental dos jogadores é ainda mais importante que a física

Redação Publicado em 08/04/2022, às 11h06

Copa do Mundo pode dar ao Brasil o hexacampeonato - GettyImages
Copa do Mundo pode dar ao Brasil o hexacampeonato - GettyImages

A Copa do Mundo do Catar pode dar ao Brasil o hexacampeonato mundial. No entanto, antes que isso possa acontecer, existe uma preparação além da parte física que vimos nos treinamentos da seleção. A Amarelinha deixou um gostinho para os torcedores nas suas últimas apresentações pelas Eliminatórias, contra Chile e Bolívia, tendo um saldo de 8 gols marcados e 0 sofridos.

Apesar de o atual treinador, Tite, ainda dividir opiniões, até para os mais exigentes está difícil de reclamar do nível de performance e nas escalações, principalmente, no ataque recheado de estrelas. É o que explica o Psicanalista especialista na performance de futebol, Lincoln Nunes, que convive diariamente com a pressão e a sua consequência no futebol.

Canal - SportBuzz

Para o especialista, o que mais salta aos olhos no momento atual brasileiro é o cuidado com a parte mental e emocional dos jogadores. No período depois da eliminação dramática contra a Bélgica na Copa de 2018, o abalo emocional foi inevitável, por expectativas e de muitas trocas no plantel principal por conta de lesões.

"A eliminação de uma Copa pode ser encarada como um evento traumático na vida da comissão técnica e jogadores. Numa análise puramente freudiana, um trauma inconsciente fica armazenado e pode ressurgir em outras situações de pressão, como: uma Copa América, ou até mesmo na próxima Copa, ou num clássico, por exemplo", disse.

Copa do Mundo pode dar hexa ao Brasil
Copa do Mundo pode dar hexa ao Brasil (Crédito: GettyImages)

 

Já nessas Eliminatórias, o Brasil fez a melhor campanha na história das qualificatórias da América do Sul. No total, foram 45 pontos somados em 17 jogos disputados. Desta vez, inclusive o elenco contou com caras novas e jovens promessas do futebol que agradaram e muito o torcedor canarinho e também o técnico Tite.

"O futebol é um esporte coletivo no amplo sentido, a performance de excelência acontece por diversos fatores além do campo. Uma comissão que transmite essa sensação de confiança e felicidade a todos que compõem aquela equipe, têm muito mais chances de obter êxito nos objetivos. Isso fica ainda mais claro com a realização da prática da felicidade em congruência com as metas coletivas, como diz a teoria da felicidade do Professor de Harvard, Shawn Achor", completou o especialista.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!