Sportbuzz
Testeira
Futebol / SUL-AMERICANA!

Confira como ficaram os confrontos da semifinal da Sul-Americana!

Com a eliminação do Santos na última noite, a próxima fase da Sul-Americana foi definida

Redação Publicado em 20/08/2021, às 10h02

Troféu da Sul Americana - GettyImages
Troféu da Sul Americana - GettyImages

Com a classificação do Libertad sobre o Santos, na noite desta quinta-feira, 19, por 1 a 0, e a virada do Athletico-PR diante da LDU, por 4 a 1, todos os duelos das semifinais da Sul-Americana foram definidos.

Nessa fase, que antecede a grande final, participarão dois clubes brasileiros, um uruguaio e um paraguaio. Bragantino e Athletico-PR serão os representantes do Brasil na disputa, enquanto Libertad, do Paraguai, e Peñarol, do Uruguai, serão os adversários dos brasileiros, nessa ordem.

Os jogos da semifinal da Sul-Americana estão previstos para acontecer entre os dias 21 e 23 de setembro, para as partidas de ida, e 28 a 30 de setembro, para os confrontos da volta. A ideia é que nos próximos dias, a Conmebol dê mais detalhes dos horários dos jogos.

A classificação do Santos 

Na noite desta quinta-feira, 19, Libertad e Santos se enfrentaram na partida de volta das quartas de final da Sul-Americana. Após vencer o jogo de ida por 2 a 1, a equipe brasileira entrou em campo precisando de um simples empate.

No entanto, ele não veio. Após marcar logo no início do jogo, o Libertad conseguiu segurar a vantagem diante de uma péssima atuação do Santos e garantiu a vitória por 1 a 0. Por conta do gol marcado fora de casa, a equipe paraguaia assegurou vaga na semifinal da Sul-Americana.

JOGO!

No primeiro tempo, o Libertad começou com ritmo bastante forte por estar precisando de apenas um gol. Aos quatro minutos, Luiz Felipe fez corte providencial e evitou o balançar das redes. Aos oito, João Paulo saiu bem e manteve o placar zerado.

No entanto, a pressão logo deu resultado. Aos 13 minutos, Barboza desviou cruzamento e parou na grande defesa de João Paulo. No rebote, Ferreira apareceu livre e marcou. 1 a 0. Com muitas dificuldades, o Santos sequer havia finalizado no gol.

Com a vitória parcial, o Libertad diminuiu o ritmo e se segurou na defesa. Aos 21, Lucas Braga pediu pênalti, mas o juiz nada marcou. Aos 37, Madson teve boa chance, mas não completou cruzamento. No lance seguinte, Martínez respondeu, mas mandou para fora. Intervalo!

No segundo tempo, o Santos voltou determinado a reagir na partida e buscar o empate. Logo aos dois minutos, Marcos Leonardo recebeu cruzamento de Madson e acertou o travessão. Aos nove, Marcos Guilherme finalizou, mas chutou em cima da marcação.

Após se segurar na defesa, o Libertad voltou ao campo de ataque. Aos dez minutos, Melgarejo tentou finalizar, mas foi bloqueado por Luiz Felipe. Aos 12, o meio-campista apareceu novamente e parou na marcação de Madson.

Ainda sem conseguir pressionar o rival, o Santos voltou a sofrer no campo de defesa. Aos 19 minutos, Melgarejo mandou uma bomba para o gol e viu João Paulo fazer verdadeiro milagre para evitar o segundo.

Com enormes dificuldades, o Peixe sequer incomodou o Libertad até os 30 minutos do segundo tempo. Com apenas três finalizações durante todo o jogo, a equipe brasileira viu os rivais se manterem muito tranquilos no confronto.

Para complicar ainda mais a situação, o time paraguaio criou ótima chance para ampliar. Aos 35, Melgarejo recebeu cruzamento e cabeceou para mais uma defesa de João Paulo. Irreconhecível no jogo, o Santos só pôde esperar o apito final. 1 a 0. Fim de papo! Peixe eliminado!

A classificação do Athletico

Na noite desta quinta-feira, 19, Athletico-PR e LDU se enfrentaram na partida de volta das quartas de final da Sul-Americana. Após ser derrotada por 1 a 0 no jogo de ida, a equipe brasileira precisava vencer por dois gols de diferença para ir à semifinal.

Porém, a situação ficou dramática. Mesmo com grande atuação, o Athletico-PR precisou realizar verdadeira 'missão impossível' para garantir a vitória diante da LDU por 4 a 2. Com destaque para os gols de Bissoli, a equipe brasileira garantiu vaga na semifinal da Sul-Americana.

JOGO!

No primeiro tempo, o Athletico-PR entrou com tudo e logo criou grandes chances. Aos 25 segundos, Guilherme Bissoli quase marcou. Aos cinco minutos, Terans arriscou de longe e mandou por cima do gol. Apesar da pressão sofrida, o time rival abriu o placar.

Aos dez minutos, Perlaza avançou em rápido contra-ataque e cruzou para Amarilla, que aproveitou vacilo de Marcinho e deixou o dele. 1 a 0 LDU. Com ritmo frenético, as equipes buscaram o gol a todo momento.

Na busca pelo empate, o Athletico-PR balançou as redes. Aos 25 minutos, Christian limpou dois marcadores, invadiu a grande área e bateu firme para deixar tudo igual. 1 a 1. Belo gol! Com a igualdade, o time da casa logo buscou a virada.

Aos 29, Christian recebeu bom lançamento, ganhou na disputa com os zagueiros, limpou a chegada de mais um rival e bateu com categoria. Virada do Furacão! 2 a 1. Apesar da boa atuação, os brasileiros levaram o empate. Aos 42, Julio marcou para a LDU. 2 a 2. Intervalo!

No segundo tempo, o Athletico-PR voltou determinado para buscar a missão 'impossível'. Com o empate parcial em 2 a 2, a equipe precisava marcar mais dois gols para se garantir na próxima fase da Sul-Americana.

Assim, os donos da casa partiram para a pressão diante da LDU. No entanto, a primeira chance clara da etapa final aconteceu apenas aos 16 minutos. Após cruzamento de Marcinho, Terans cabeceou para grande defesa do goleiro. No rebote, Bissoli marcou. 3 a 2.

Empolgado com o gol, o Athletico-PR continuou no campo de ataque e teve sucesso aos 22 minutos. Após revisão no VAR, o árbitro marcou pênalti após puxão na camisa de Richard dentro da área. Na cobrança, Bissoli bateu firme e marcou. 4 a 2.

Com a vitória parcial, o Athletico-PR garantia vaga na semifinal. Porém, a equipe ainda tinha mais 15 minutos para segurar o ímpeto da LDU, que chegou com perigo. Aos 33, Reasco arriscou e quase marcou. Dois minutos mais tarde, Nikão respondeu e assustou a meta rival.

Já nos minutos finais, a LDU chegou com Ordóñez, que mandou uma bomba para defesa de Santos. Aos 40, Cruz perdeu outra grande chance. Após os sustos, o Furacão soube controlar a vantagem no placar para garantir vaga na semifinal da Sul-Americana. 4 a 2. Fim de papo!


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!