Sportbuzz
Testeira
Futebol / COPA DO BRASIL!

Com polêmicas, Athletico-PR bate Santos e abre vantagem na Copa do Brasil

Nas quartas de final, Athletico-PR e Santos duelaram na Copa do Brasil

Redação Publicado em 25/08/2021, às 19h46 - Atualizado às 20h51

Athletico-PR e Santos duelaram na Copa do Brasil - Ivan Storti / Santos FC / Flickr
Athletico-PR e Santos duelaram na Copa do Brasil - Ivan Storti / Santos FC / Flickr

Na noite desta quarta-feira, 25, Athletico-PR e Santos se enfrentaram na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil. De olho no duelo de volta, as equipes brigaram pela vitória para abrir vantagem no confronto.

Apesar do bom ritmo de jogo, a partida teve duas grandes polêmicas. Mesmo assim, o Athletico-PR segurou a vantagem construída diante do Santos e garantiu a vitória por 1 a 0. Com o triunfo, a equipe joga pelo empate na partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil.

 

JOGO!

No primeiro tempo, o Athletico-PR logo tomou a iniciativa e quase marcou. Aos três minutos, Jader arriscou de fora da área e acertou a trave. Aos oito, Madson tentou cortar e viu João Paulo evitar o gol contra. Na sequência da jogada, o goleiro fez grande defesa em chute de Nikão.

Acuado, o Santos chegou com perigo em rápido contra-ataque. Após linda jogada de Lucas Braga, Sánchez finalizou, mas bateu por cima. Na resposta imediata do Furacão, Thiago Heleno arriscou chute atrás do meio-campo e parou na defesa de João Paulo.

Aos 16, o Athletico-PR abriu o placar. Após cobrança de escanteio, Richard desviou na primeira trave e encontrou Renato Kayzer, que cabeceou para o fundo das redes. 1 a 0. Aos 23, Jean Mota tentou buscar o empate, mas o goleiro Santos fez grande defesa.

Ainda no primeiro tempo, o Santos quase se complicou ainda mais. Aos 34, Nikão tirou tinta da trave. Aos 40, o meia tentou novamente, mas errou a pontaria mais uma vez. No minuto seguinte, João Paulo fez grande defesa em chute de Christian. Intervalo!

No segundo tempo, o Athletico-PR quase ampliou logo de cara. No primeiro minuto, Marcinho recebeu pelo lado direito e bateu firme para dentro da área. Na trajetória da bola, João Paulo fez grande defesa para evitar o segundo.

Após o susto, o Santos tentou imprimir certa pressão para buscar o empate. Aos 12 minutos, Gabriel Pirani finalizou e parou na marcação. Sem muita inspiração, a equipe paulista sofreu bastante no campo de ataque.

Porém, a partida ganhou contorno bastante polêmico. Aos 20 minutos, Renato Kayzer tentou sair jogando dentro da área e viu a bola bater em seu braço, que estava bem aberto. Mesmo com a presença do VAR, o juiz mandou o jogo seguir e nada marcou contra o Athletico-PR. Polêmica!

Ainda na busca pelo empate, o Santos tentou se esforçar. Aos 25 minutos, Marcos Leonardo arrancou em velocidade e parou na defesa tranquila do goleiro. Com a vantagem no placar, o Furacão diminuiu bastante o ritmo nos 15 minutos finais.

Mesmo assim, o Athletico-PR seguiu com o controle do jogo. Com mais uma atuação ruim na temporada, o Peixe pouco ameaçou o rival e quase se complicou ainda mais. Aos 37, Vinicius balançou as redes, mas o impedimento foi apontado. Mais uma polêmica! 1 a 0. Fim de papo!

JOGO DE VOLTA

Santos x Athletico-PR - Dia 14 de setembro (21h30)


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!