Sportbuzz
Testeira
Futebol / CAMPEONATO BRASILEIRO

Com direito a golaço de Zé Rafael, Palmeiras vence Ceará na Arena Castelão

Em duelo elétrico na segunda etapa, Verdão vence fora de casa e ultrapassa Fortaleza; Deyverson também marca para o alviverde

Redação Publicado em 20/10/2021, às 21h01

Com direito a golaço de Zé Rafael, Palmeiras vence Ceará na Arena Castelão - Cesar Greco/ Palmeiras/ Flickr
Com direito a golaço de Zé Rafael, Palmeiras vence Ceará na Arena Castelão - Cesar Greco/ Palmeiras/ Flickr

Em jogo movimentado, o Palmeiras venceu o Ceará por 2 a 1 nesta quarta-feira, 20, na Arena Castelão, em duelo atrasado da 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Zé Rafael, com um golaço de falta, e Deyverson marcaram os gols do Verdão. No fim, Cléber descontou para os donos da casa. O goleiro Weverton foi o grande destaque da partida com grandes defesas.

Com o resultado, o alviverde paulista chegou aos 46 pontos, ultrapassou o Fortaleza (45) e assumiu a terceira colocação da tabela de classificação do Brasileirão. Já o Vozão estacionou na 14ª colocação, com 31 pontos.

 

No primeiro tempo, o Ceará buscou o jogo ofensivo e chegou a exigir duas grandes defesas de Weverton, com chutes de Erick e Vina, nos minutos finais. Sem levar muito perigo ao goleiro Richard, o Palmeiras abriu o placar no último lance da etapa, com um golaço de falta de Zé Rafael.

Na etapa final, as equipes voltaram mais ligadas e os goleiros se destacaram. Depois dos 20 minutos duas alterações de Abel Ferreira fizeram diferença para ampliar o marcador. No primeiro toque na bola, Scarpa cruzou na medida para Deyverson, que também havia acabado de entrar, mandar para o fundo das redes. No fim, aos 43 minutos, Cléber incendiou a partida ao diminuir para o Vozão. 

O Ceará volta a campo no próximo sábado, 23, às 17h (de Brasília), para enfrentar o Juventude, fora de casa, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na segunda-feira, 25, às 21h30, o Palmeiras recebe o Sport, no Allianz Parque.

O JOGO

As duas equipes fizeram um primeiro equilibrado, mas com poucas finalizações e efetividade.
Na primeira boa chegada da partida, aos três minutos, Vina recebeu o passe e abriu com Erick, que inverteu com Lima na esquerda. Fernando Sobral recebeu o cruzamento de Lima na segunda trave e finalizou de primeira, mandando a bola na rede pelo lado de fora. Aso 23, o lateral Igor recebeu o passe de Vina e chutou de primeira para fora.

Nas finalizações do Palmeiras, Dudu, aos 10, recebeu o cruzamento de Rony, bateu rápido e viu a bola desviar na marcação antes de sair para escanteio; aos 19, Rony recebeu a bola de Luiz Adriano e bateu travado; aos 22, Felipe Melo recebeu na intermediária e bateu, mas a bola subiu demais.

No fim da primeira etapa, o Ceará exigiu duas excelentes defesas de Weverton. Aos 36 minutos, Lima recebeu o passe de Kelvyn e ajeitou para Erick, que bateu de chapa no canto e viu o goleiro alviverde se esticar para evitar o gol do Vozão. Quatro minutos depois, na principal chance da parcial, Fernando Sobral venceu Felipe Melo e fez o cruzamento na entrada da área. Vina chegou para soltar uma bomba no contrapé do goleiro, que salvou o Palmeiras com uma defesaça.

No último lance do primeiro tempo, Zé Rafael marcou um golaço de falta e abriu o placar no Castelão. Após passe de Luiz Adriano, o volante armou o chute e tentou a cavadinha em Luiz Otávio, que acabou desviando a bola com o braço muito perto da entrada da área. Na cobrança, o camisa 8 chutou de chapa e mandou por cima da barreira, sem chance para o goleiro Richard: 0 a 1.

O segundo tempo começou agitado, com ataque contra ataque. Em duas finalizações, Lima primeiro chutou da entrada da área e Weverton encaixou, depois recebeu o passe de Vina e mandou por cima do gol.

O Palmeiras chegou a balançar as redes aos 11 minutos, com gol de Luiz Adriano. Em bela jogada, Luan interceptou o toque de Vina e Felipe Melo lançou Rony na sequência, na medida. O camisa 7 avançou e rolou para Luiz Adriano, que tirou de Richard e mandou para o fundo da rede, mas o impedimento de Rony foi marcado.

Aos 16 minutos, Erick cruzou da direita para Gabriel Lacerda cabecear, mas Weverton espalmou a finalização à queima roupa. O lance, no entanto, foi anulado por impedimento.

Seis minutos depois de entrar, aos 26, Deyverson ampliou para o Palmeiras. Scarpa, que havia acabado de entrar no lugar de Veiga, tocou na bola pela primeira vez e cruzou para o atacante apenas finalizar para o gol: 0 a 2.

Aos 29 minutos, Lima recebeu o cruzamento na segunda trave e bateu de primeira para a boa (nova) defesa de Weverton. Na chegada do Palmeiras, aos 31, Scarpa puxou o contra-ataque e abriu para Breno Lopes na entrada da área. O atacante bateu e Richard salvou o Ceará. O goleiro voltou a defender um chute de Breno Lopes aos 37 minutos. 

No fim, aos 43 minutos, Cléber recolocou o Ceará na partida ao diminuir. Jorginho recebeu o toque de Erick na entrada da área e ajeitou para o atacante, que venceu Piquerez e bateu de direita, por baixo do goleiro: 1 a 2.

Aos 46 minutos, Gabriel Veron chegou a marcar para o Palmeiras após ajeitada de Breno Lopes, mas o bandeirinha marcou o impedimento. Em lance ajustado, a marcação foi confirmada pelo VAR depois de um pouco mais de um minuto.

No último lance, Richard ainda salvou o Ceará em finalização de Gabriel Veron.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!