Sportbuzz
Testeira
Futebol / BRASILEIRÃO

Com gol nos acréscimos, Santos vence Grêmio e sai do Z-4 do Brasileirão

Wagner Leonardo marca no fim, Peixe deixa zona de rebaixamento e respira no Campeonato Brasileiro

Redação Publicado em 10/10/2021, às 17h58 - Atualizado às 17h59

Com gol nos acréscimos, Santos vence Grêmio e se afasta da zona de rebaixamento - GettyImages
Com gol nos acréscimos, Santos vence Grêmio e se afasta da zona de rebaixamento - GettyImages

No reencontro com sua torcida na Vila Belmiro, o Santos venceu o Grêmio por 1 a 0 neste domingo, 10, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nos acréscimos, Wagner Leonardo garantiu o triunfo dramático do time alvinegro. O VAR, que antes do jogo recebeu banho de sal grosso da torcida do Peixe, foi decisivo para validar o gol.

Com as vitórias de Bahia e Sport na rodada, o Peixe dormiu no Z-4 desde o último sábado. No entanto, com o triunfo em casa, o alvinegro chegou aos 28 pontos, empurrou o Tricolor de volta para a zona de rebaixamento e reassumiu a 16ª colocação. O Santos voltou a vencer depois de 11 jogos, sendo seis derrotas e cinco empates.

 

Já o Tricolor permaneceu na vice-lanterna, com 23 pontos, e desperdiçou a quarta chance consecutiva de subir para a 16ª posição.

As equipes voltam a campo na próxima quarta-feira, 13, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Às 19h (de Brasília), o Santos enfrenta o líder Atlético-MG, fora de casa. Às 20h30, o Grêmio visita o Fortaleza, na Arena Castelão.

O JOGO

Aos dois minutos de jogo, Vinicius Zanocelo arriscou da entrada da área e viu Brenno fazer grande defesa para evitar o gol santista. Aos 10 minutos, Marinho recebeu a bola e chutou para o gol, mas o goleiro do Grêmio fez outra grande defesa. No rebote, Marcos Guilherme finalizou e Brenno desviou, passando muito perto da trave.

Do outro lado, o Tricolor assustou aos 12 minutos. Alisson foi lançado e chutou cruzado para a defesa de João Paulo, que tirou com o pé direito. Em novo ataque, aos 21, Vanderson recebeu na direita, invadiu a área depois de cortar Lucas Braga e bateu cruzado com perigo.

Carlos Sánchez exigiu um milagre de Brenno, aos 39 minutos, em cobrança de falta. O volante do Peixe bateu quase no ângulo e o goleiro voou para espalmar pela linha de fundo. Aos 41, Marinho arriscou de fora da área e Brenno fez outra boa defesa. Na cobrança de escanteio, o camisa 11 bateu fechado e viu o goleiro cair para evitar o gol.

Na primeira chance do segundo tempo, Alisson recebeu a bola pela esquerda e mandou por cima do gol.

Aos 30 minutos, João Paulo salvou o Santos e chute de fora de Ferreira, que tirou a marcação de Velázquez. Na vez do Santos, aos 32 minutos, Marinho ficou com a bola após escanteio, ajeitou no peito e bateu, mas Churín apareceu para cortar de cabeça.

Nos acréscimos, aos 46 minutos da segunda etapa, o zagueiro Wagner Leonardo abriu o placar para o Santos. Após escanteio, Marinho mandou uma bomba de fora da área e o zagueiro desviou para a rede. A arbitragem, a princípio, marcou o impedimento, mas o VAR confirmou a posição legal do defensor: 1 a 0.

No fim, aos 51, João Paulo defendeu a cabeçada de Kannemann e impediu o empate do Grêmio.

Após o apito final, uma confusão tomou conta do campo, quando Rafinha se desentendeu com um dos gandulas. Marinho chegou para afastar a briga. O lateral do Grêmio levou o cartão vermelho.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!