Sportbuzz
Testeira
Futebol / CAMPEONATO BRASILEIRO

Com apoio da torcida, Flamengo vence Ceará e adia título do Atlético-MG

Diante da torcida no Maracanã, Flamengo vence Ceará em casa, adia grito de 'campeão' do Atlético-MG e confirma, no mínimo, vice-campeonato do Brasileirão; Vozão ainda sonha com Libertadores

Redação Publicado em 30/11/2021, às 22h03 - Atualizado às 22h06

Com apoio da torcida, Flamengo vence Ceará e adia título do Atlético-MG - GettyImages
Com apoio da torcida, Flamengo vence Ceará e adia título do Atlético-MG - GettyImages

No primeiro duelo após a derrota na final da Libertadores, e sem o técnico Renato Gaúcho, o Flamengo venceu o Ceará por 2 a 1 nesta terça-feira, 30, em jogo válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apoiado pela torcida no Maracanã, o rubro-negro confirmou o triunfo com gols de Gabigol e Matheuzinho. O atacante Rick descontou para o Vozão.

Com o resultado, o time carioca adiou o título do Atlético-MG. O Fla chegou aos 70 pontos contra 78 do Galo e ainda tem três partidas até o fim do Brasileirão, ou seja, nove pontos em disputa. Além disso, o rubro-negro confirmou, no mínimo, o vice-campeonato. Terceiro, o Palmeiras tem 59 pontos. Do outro lado, o Vozão estacionou nos 49 pontos, na nona colocação, mas segue na briga por uma vaga na próxima Libertadores. 

 

O Flamengo volta a campo na próxima sexta-feira, 3 de dezembro, às 20h (de Brasília), para enfrentar o Sport, na Arena de Pernambuco, em duelo atrasado da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. No domingo, 5, às 19h, o Ceará recebe o América-MG, na Arena Castelão, pela 37ª rodada. Até o fim da competição, o Leão terá pela frente o Athletico-PR, enquanto o rubro-negro enfrentará Santos e Atlético-GO.

O JOGO

O Flamengo abriu o placar logo aos dois minutos de jogo, com gol de Gabriel Barbosa. Após belo desarme de Diego em Fabinho, o meio-campista encontrou o atacante, que finalizou sem chances para João Ricardo: 1 a 0.

Gabigol marca primeiro gol do Flamengo (Crédito: GettyImages)

 

Após o gol, o Flamengo pressionou o Ceará e Gabigol chegou mais uma vez com perigo aos 12 minutos. Após escanteio cobrado por Andreas Pereira, o goleiro do Vozão afastou com um tapa, mas deu o rebote para o camisa 9, que bateu de primeira e mandou muito perto do gol. O Ceará assustou o Flamengo pela primeira vez aos 17 minutos, quando Thiago Maia perdeu a bola, Mendonza recebeu o passe de Kelvyn para invadir a área e mandar na rede pelo lado de fora. 

O rubro-negro chegou a marcar o segundo gol aos 21 minutos, em finalização de Bruno Henrique. Após boa jogada coletiva com Mathuezinho, Andreas Pereira e Gabigol, o atacante recebeu o passe de Andreas e bateu para o gol, que foi anulado após revisão do VAR. Machucado, o goleiro Diego Alves foi substituído aos 27 minutos do primeiro tempo.

No fim da primeira etapa, aos 41 minutos, Gabigol aproveitou o cruzamento de Matheuzinho, subiu e cabeceou, mandando uma bomba no travessão. Aos 48, o camisa 9 finalizou firme e mandou muito perigo para o gol de João Ricardo.

O Flamengo exigiu grande defesa de João Ricardo aos 16 minutos, em finalização de Bruno Henrique após cruzamento fraco de Andrea. O atacante chegou na área para bater firme, mas parou no goleiro do Vozão.

Apesar do domínio do Flamengo, o Ceará chegou ao empate aos 25 minutos, com gol de Rick. O atacante tocou para Yony González bater cruzado. No rebote do goleiro Hugo, Rick finalizou para o gol: 1 a 1. O resultado dava o título antecipado ao Atlétic-MG.

O Flamengo voltou a levar perigo aos 31 minutos, quando Gabigol aproveitou o cruzamento errado de Michael e bateu, mas viu a bola desviar em Messias e João tirar na sequência.

Aos 33 minutos, Matheuzinho ampliou para o Flamengo. No lance, Michael segurou a bola e esperou para cruzar para Bruno Henrique, que dividiu e a sobra ficou com o laeral-direito. Matheuzinho mandou uma bomba e recolocou a equipe na liderança do placar: 2 a 1.

O Flamengo ainda tentou ampliar com finalização de Andreas Pereira, nos acréscimos, aos 52 minutos, após jogada de Michael e Gabigol. O meia bateu forte e João Ricardo defendeu.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!