Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » LIGA DOS CAMPEÕES

City vence PSG de virada e abre vantagem na semifinal da Champions League

Time francês abre o placar com Marquinhos, mas City aproveita falhas e conquista virada no Parque dos Príncipes

Redação Publicado em 28/04/2021, às 17h03 - Atualizado às 17h56

City vence PSG de virada e abre vantagem na semifinal da Champions League
City vence PSG de virada e abre vantagem na semifinal da Champions League - GettyImages

O Manchester City venceu o Paris Saint-Germain, de virada, por 2 a 1 nesta quarta-feira, 28, no Parque dos Príncipes, pelo jogo de ida da semifinal da Liga dos Campeões. Marquinhos abriu o placar para o PSG no primeiro tempo, enquanto Kevin De Bruyne deixou tudo igual e Mahrez virou para o time inglês na etapa final. 

Com o resultado, o City leva a vantagem para a volta, na Inglaterra, e joga por um empate – podendo até perder por 1 a 0. O PSG precisa marcar ao menos dois gols de diferença na partida da próxima semana para avançar à final. Caso o time francês vença por 2 a 1, a decisão vai para a prorrogação. Além disso, o Paris pode ficar com a vaga por qualquer outra vitória por um gol de diferença.

O time francês foi o mais perigoso no primeiro tempo, criou boas chances e segurou o ataque dos ingleses. Aos 14 minutos, Marquinhos testou firme para o fundo das redes após cobrança de escanteio de Di María

O City voltou do intervalo pressionando o PSG e cresceu no segundo tempo. De Bruyne deixou tudo igual aos 18 da segunda etapa após erro de Navas. O camisa 17 recebeu na entrada da área, levantou a bola para a pequena área e Stones tentou chegar. O goleiro do time francês ficou apenas olhando, a bola quicou e entrou para o gol.

 

O City virou o placar aos 25 minutos do segundo tempo. Gueyé cometeu a falta em Foden, e Mahrez foi para a cobrança. O atacante cobrou na meia altura, a barreira do PSG abriu e a bola passou entre os jogadores. Navas tentou buscar, mas não conseguiu evitar o gol.  

A situação do PSG se complicou aos 32 minutos, quando o volante Gueye recebeu o cartão vermelho por falta dura em Gundogan. Com a vantagem numérica, o City confirmou a vitória fora de casa. 

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, 4, às 16h (de Brasília), no Etihad Stadium, pelo jogo de volta da semifinal. A outra vaga na final é disputada entre Chelsea e Real Madrid, que empataram em 1 a 1 na última terça-feira, 27. 

O JOGO

O PSG ofereceu o primeiro perigo aos dois minutos. O time francês recuperou a bola no meio campo e contou com a arrancada em velocidade de Mbappé pela direita. O camisa 7 acionou Neymar, que abriu espaço diante de dois marcadores e chutou, forçando uma defesa em dois tempos do goleiro Ederson.

O Paris seguiu procurando pressionar o City e, aos 12 minutos, Neymar bateu o escanteio no segundo poste e Mbappé dominou. O francês rolou a bola para trás e Florenzi chegou para mandar uma bomba que explodiu na zaga.

No lance seguinte, Neymar recebeu pela esquerda, tabelou com Verratti e driblou a marcação, abrindo espaço e chutando forte para o gol. Ederson saltou e fez uma grande defesa.

O PSG abriu o placar aos 14 minutos do primeiro tempo, com Marquinhos. Após jogada pela esquerda, Di Maria cobrou o escanteio no primeiro poste e o zagueiro brasileiro se livrou da marcação de Rodri e apareceu sozinho para testar para o fundo das redes: 1 a 0.

Aos 20 minutos, o Manchester City teve a primeira boa chegada. Bernardo Silva tentou se esticar após o lançamento longo de Cancelo na área e conseguiu o desvio, mas encontrou o goleiro Navas no meio do caminho.

Aos 26 minutos, Di Maria fez o levantamento, a bola saiu fechada e Ederson saiu para fazer o corte. Neymar cobrou o escanteio no primeiro poste e encontrou Paredes, que subiu para cabecear. A bola saiu com muito perigo ao lado do goleiro do City.

O time inglês tentou sair jogando, mas o Paris apertou a marcação e quase comprometeu a equipe de Pep Guardiola. Ederson se antecipou e deu um chutão para afastar.

Aos 31 minutos, Foden interceptou uma saída errada do goleiro Navas, foi para a linha de fundo e cruzou para Mahrez, que subiu para testar firme. Paredes se esticou e cortou o lance no alto, tirando de Bernardo Silva.

O Paris seguiu pressionando o City. Aos 33 minutos, Di María fez uma jogada pela direita, venceu a marcação e tocou para Neymar. O camisa 10 tentou ajeitar, mas a bola escapou.

Aos 41 minutos, Navas fez mais uma grande defesa e impediu um gol do City. Bernardo Silva chegou pela direita e encontrou Foden livre na área, que dominou e ajeitou para o chute, mas foi parado por Navas.

O City voltou do intervalo melhor e pressionou o PSG. A primeira chance da etapa, no entanto, saiu do lado do time francês, aos 10 minutos. No lance, Mbappé foi lançado na direita, se livrou da marcação e rolou para Verratti, que chegou atrasado e não conseguiu finalizar para o gol.

Aos 13, Di María desarmou a zaga, passou por dois marcadores e lançou para Mbappé. Ederson saiu da área e fez o corte.

O City passou a crescer mais na partida. Aos 15 minutos, De Bruyne pegou a sobra de uma tentativa de corte de Kimpembe e chutou de primeira com uma maia-bicicleta, mandando com perigo por cima do gol.

Aos 18, Walker chegou pela direita com Mahrez, carregou para a linha de fundo e fez o cruzamento, mas Marquinhos fez o corte providencial. Após a cobrança de escanteio, o City trabalhou a bola na entrada da área e De Bruyne recebeu na esquerda, levantado a bola na pequena área. Stones não conseguiu chegar, mas Navas ficou apenas olhando e a bola entrou para o gol: 1 a 1.

O Manchester City virou o placar aos 25 minutos, em cobrança de falta. Gueyé cometeu a falta em Foden, e Mahrez foi para a cobrança. O atacante cobrou na meia altura, mas a bola passou entre os jogadores da barreira francesa. Navas tentou buscar, mas sem sucesso: 2 a 1 para o City.

A situação do PSG se complicou aos 32 minutos, quando o volante Gueye recebeu o cartão vermelho por falta dura em Gundogan.

Aos 41, Neymar perdeu a bola no meio de campo, Foden tomou e arrancou. Ele passou por dois marcadores, entrou na área e finalizou, mas Navas fez uma grande defesa.

Placar final: 2 a 1 para o Manchester City. 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!