Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » RECORDAÇÃO!

Cicinho revela o que faltou para a Seleção Brasileira em 2006: “Ronaldinho Gaúcho e Cafu chorando”

Ex-lateral-direito relembrou a participação da Canarinho na Copa do Mundo que aconteceu na Alemanha

Pedro Ungheria Publicado em 03/06/2020, às 06h49

Cicinho recorda eliminação da Seleção Brasileira em 2006, contra a França
Cicinho recorda eliminação da Seleção Brasileira em 2006, contra a França - Instagram

Uma das derrotas mais difíceis de se digerir da história da Seleção Brasileira foi na Copa do Mundo de 2006. A eliminação contra a França colocou ainda mais para frente o sonho do tão esperado hexacampeonato. Com o time dos sonhos, composto por Ronaldo Fenômeno, Ronaldinho Gaúcho, Kaká, Adriano Imperador e outros, um deslize nas quartas de final acabou custando caro demais.

Em uma recente entrevista para o Expediente Futebol, da Fox Sports, o ex-lateral-direito Cicinho comentou um pouco sobre aquele revés. Presente na convocação e nos gramados, o defensor afirmou que não via superioridade dos adversários naquela ocasião, muito pelo contrário, tinha certeza que a Canarinho poderia medir forças com qualquer uma das seleções, afinal, tinha um elenco elogiável.

"Todo mundo fala da questão de preparação física. Os jogadores brasileiros, Ronaldo, Roberto Carlos, eles sempre se superaram na Seleção Brasileira. Não foi salto alto, o que faltou foi tranquilidade na preparação, toda hora eram não sei quantas mil pessoas vendo o treinamento”, disse ele.

Ainda no assunto, falando sobre o processo de atividades que prepararam os jogadores para o torneio,  Cicinho acredita que faltou um detalhe para que Parreira pudesse comemorar o hexa junto de um grupo de jogadores de altíssimo nível.

“A preparação nos atrapalhou. O nosso time era muito superior, perdemos por detalhes (para a França), aquele lance da falta (gol do Henry), nós treinamos pouco. Se a gente tivesse tido mais tempo para treinar. Faltou uma maior estrutura para o Parreira treinar aquele elenco fantástico”, pontuou.

Por fim, ele, que teve sua primeira convocação em abril de 2005, atuou em 13 partidas e deu quatro assistências, disse que tem aquela eliminação como um dia para se esquecer em sua carreira e até mesmo em sua vida fora dos gramados, afinal, viu cenas que ficaram marcadas para sempre na memória.

“O pior dia na minha vida foi aquela derrota para a França. Entrar no vestiário, ver o quanto os roupeiros e massagistas choravam, via o Ronaldinho, Cafu, chorando. O Roberto Carlos não conseguiu nem conversar direito. É um dia que eu gostaria de esquecer”, finalizou.

Com a camisa da Seleção Brasileira, Cicinho chegou a vencer a Copa das Confederações de 2005.


Itens que todo fanático pela Seleção Brasileira vai amar ter

Clique nos links abaixo para comprar os produtos:

1. Álbum de Figurinhas Seleção Brasileira Rússia 2018. A Maior Campeã de Todos os Tempos (+ 10 Envelopes) 

2. Copo Chuteira 370 Ml Jogador Cbf Globimport Transparente 

3. Camiseta Nike Brasil Torcedor Réplica 18/19 

4. A camisa amarela da seleção brasileira

5. Chinelo Slim Brasil, Havaianas, Feminino 

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!