Sportbuzz
Testeira
Futebol / FALARAM!

CBF e AFA quebram silêncio após suspensão da partida entre Brasil e Argentina

Brasil e Argentina foram a campo neste domingo, mas depois de poucos minutos a partida foi interrompida e adiada

Redação Publicado em 06/09/2021, às 08h28

Brasil e Argentina têm jogo adiado - Getty Images
Brasil e Argentina têm jogo adiado - Getty Images

Na tarde deste domingo, 5, Brasil e Argentina foram a campo em partida válida pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022, no Catar. Contudo, poucos minutos depois de a bola começar a rolar, a partida foi interrompida por agentes da ANVISA e da Polícia Federal.

A paralisação foi para que os agentes tirassem quatro jogadores argentinos de dentro de campo. Como Emiliano Martínez, Emiliano Buendía, Giovani Lo Celso e Cristian  Romero entraram no Brasil passando pela Inglaterra e sem cumprir o protocolo de segurança, a vigilância sanitária brasileira os impediu de jogar.

Após toda a confusão, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Associação de Futebol Argentino (AFA) se pronunciaram sobre o ocorrido.

Confira!

CBF

"A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) lamenta profundamente os fatos ocorridos e que acabaram por provocar a suspensão da partida entre Brasil e Argentina, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA Catar 2022.

A CBF defende a implementação dos mais rigorosos protocolos sanitários e os cumpre na sua integralidade. Porém ressalta que ficou absolutamente surpresa com o momento em que a ação da Agência Nacional da Vigilância Sanitária ocorreu, com a partida já tendo sido iniciada, visto que a Anvisa poderia ter exercido sua atividade de forma muito mais adequada nos vários momentos e dias anteriores ao jogo.

A CBF destaca ainda que em nenhum momento, por meio do Presidente interino, Ednaldo Rodrigues, ou de seus dirigentes, interferiu em qualquer ponto relativo ao protocolo sanitário estabelecido pelas autoridades brasileiras para a entrada de pessoas no país. O papel da CBF foi sempre na tentativa de promover o entendimento entre as entidades envolvidas para que os protocolos sanitários pudessem ser cumpridos a contento e o jogo fosse realizado.

A CBF reitera sua decepção com os acontecimentos e aguarda a decisão da CONMEBOL e da FIFA em relação à partida."

 


AFA

"A Associação de Futebol Argentino expressa seu profundo descontentamento com a suspensão do jogo entre a Seleção Argentina e a Seleção Brasileira, em São Paulo.

Assim como a CBF, a AFA se surpreende com a atuação da Anvisa assim que o jogo é iniciado. De referir que a Delegação da Albiceleste esteve em território brasileiro desde o dia 3 de Setembro, às 8 horas, cumprindo todos os protocolos sanitários em vigor regulamentados pela Conmebol para o normal desenvolvimento das Eliminatórias com destino ao Catar 2022.

Após o relato dos dirigentes da Conmebol e do árbitro da partida, as informações serão encaminhadas ao órgão competente da FIFA de acordo com os regulamentos em vigor.

O futebol não deve passar por esses tipos de episódios que prejudicam o espírito esportivo de uma competição tão importante."

Com a suspensão do jogo, as seleções ainda não têm data para se enfrentarem de fato. Enquanto isso, na próxima rodada, o Brasil enfrenta o Peru e a Argentina enfrenta a Bolívia.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!