Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » COMPLICADO

Cavani é denunciado e pode ser suspenso por três jogos após postagem no Instagram; entenda!

Atacante do Manchester United teria utilizado linguagem "ofensiva e imprópria" na rede social

Redação Publicado em 17/12/2020, às 17h48

Cavani é denunciado e pode ser suspenso por três jogos após postagem no Instagram
Cavani é denunciado e pode ser suspenso por três jogos após postagem no Instagram - GettyImages

A vida do atacante do Manchester United, Edinson Cavanipode se complicar bastantes nos próximos dias. Segundo informações do site "ESPN", o jogador corre o risco de ser suspenso e ficar algumas partidas sem atuar.

Isso porque ele foi acusado pela Federação Inglesa de Futebol de supostamente usar linguagem "ofensiva e imprópria" em sua página do Instagram.

O jogador de 33 anos repassou uma mensagem a um amigo depois de marcar duas vezes na vitória por 3 a 2 em Southampton no domingo, 29 de novembro.

Na oportunidade, Cavani escreveu em espanhol, "Gracias, negrito", um termo que pode ser interpretado como racista no Reino Unido.

Mesmo que seja amplamente usada como um termo carinhoso na América do Sul e no Caribe, a palavra é considerada na Inglaterra como portadora de conotações raciais, o que levou a FA a investigar a postagem de Cavani.

Caso o jogador, que perdeu os últimos dois jogos do United devido a lesão, for considerado culpado, ele poderá pegar três jogos de gancho de acordo com as regras da FA.

Um comunicado divulgado pela FA nesta quinta-feira, 17, diz que:

"Edinson Cavani foi acusado de má conduta por uma violação da Regra E33 da FA em relação a uma postagem na mídia social no domingo, 29 de novembro de 2020".

"Alega-se ainda que o comentário constitui uma 'Violação agravada', que é definida na Regra FA E3.2, pois incluiu referência, expressa ou implícita, à cor e / ou raça e / ou origem étnica".

O atacante tem até segunda-feira, 4 de janeiro de 2021, para dar uma resposta à acusação. Posteriormente, Cavani deletou a postagem e pediu desculpas, enquanto o United divulgou seu próprio comunicado para defender o atacante.

De acordo com a "ESPN", Cavani insistiu à FA que a palavra não é usada com intenções raciais ou depreciativas no Uruguai e que o amigo em questão usa o termo com seu próprio filho.

Já o United argumentou que a palavra foi usada como um termo afetivo e que o contexto cultural é fundamental.

Um porta-voz do clube disse: "O Manchester United e todos os nossos jogadores estão totalmente comprometidos com a luta contra o racismo e continuaremos a trabalhar com a FA - junto com outros órgãos e organizações governamentais e por meio de nossas próprias campanhas - nesse sentido".


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!