Sportbuzz
Testeira
Futebol / FESTA!

Heróis do Botafogo, Chay e Navarro comemoram vaga na série A do Brasileirão

Chay e Navarro foram os principais jogadores do Botafogo durante a campanha para conseguir o acesso para a série A do Brasileirão

Redação Publicado em 15/11/2021, às 18h41 - Atualizado às 18h55

Rafael Navarro fez o gol do acesso do Botafogo para a série A do Brasileirão - Vitor Silva/ Botafogo
Rafael Navarro fez o gol do acesso do Botafogo para a série A do Brasileirão - Vitor Silva/ Botafogo

Rafael Navarro e Chay foram os principais jogadores do Botafogo na campanha do acesso para a série A do Brasileirão. Nesta segunda-feira, 15, após a vitória diante do Operário, que garantiu um lugar do Glorioso na primeira divisão do futebol nacional, a dupla comentou sobre a sensação de recolocar o alvinegro na elite da categoria. 

Ambos, por sinal, foram fundamentais para a vitória do Botafogo diante do Operário. Chay deu assistência para o gol de empate, enquanto Rafael Navarro marcou o gol que deu os três pontos para o clube carioca na partida. Em entrevista para o "Premiere FC", ambos celebraram o reencontro do Botafogo com a série A do Brasileirão. 

Chay destacou a dupla com Navarro e também o trabalho de todo elenco: "Feliz demais por proporcionar isso a essa torcida tão apaixonada. Navarro e eu estamos felizes demais, parceria que deu certo. A gente se entende, conversa muito, tanto que participamos de muitos gols esse ano, mas é mérito de um grupo todo. Não é só o Navarro, não é só o Chay, o grupo todo está de parabéns". 

Enquanto isso, Rafael Navarro retribuiu o carinho de Chay: "Queria agradecer a Deus, aos meus companheiros, ao Chay pela parceria que deu certo, ao grupo todo por ter trabalhado e focado. O Botafogo já subiu, feliz demais pela oportunidade de ter botado o Botafogo na Série A de novo. Ainda não decidi, vou deixar mais pra frente, agora estou focado no título".

SAIBA COMO FOI A VITÓRIA DO BOTAFOGO!

Foi no sofrimento, foi até os últimos instantes da partida, mas o Botafogo conseguiu a virada para cima do Operário e conseguiu o acesso para a série A do Brasileirão. Com gols de Pedro Castro e Rafael Narravo, a equipe de Enderson Moreira bateu os rivais paranaenses por 2 a 1 e conquistou o seu tão sonhado retorno para a elite do futebol nacional. 

COMO FOI O PRIMEIRO TEMPO?

O Botafogo não deu espaços para o Operário e dominou o primeiro tempo por completo. O Glorioso não deixou os visitantes jogarem, pressionou a saída de bola rival, criou algumas oportunidades, mas viu a ansiedade tomar conta dos torcedores e também dos jogadores. 

Buscando sempre pressionar a saída de bola do Operário, o Botafogo impôs dificuldades para os adversários e tentou, no erro do adversário, abrir o placar. O Glorioso, apesar de ter dominado a partida e tentado alguns cruzamentos para Rafael Navarro, não criou tantas oportunidades e chegou apenas duas vezes com perigo. 

Numa dessas oportunidades, Daniel Borges quase marcou um golaço de falta no Nilton Santos. Surgiu uma falta na entrada da área e o camisa 20 assumiu a responsabilidade, o lateral tentou colocar a bola onde a coruja dorme, porém ela triscou a trave e saiu pela linha de fundo. 

Na sequência, depois de uma saída de bola errada do Operário, Rafael Navarro roubou a bola dentro da área e rolou para Luís Ayoma. O volante ficou cara a cara com o goleiro rival, mas acabou isolando e perdendo uma grande chance, a melhor da partida até aquele momento. 

Desta forma, o placar do primeiro tempo acabou ficando zerado e a torcida do Botafogo saiu da etapa inicial ainda mais ansiosa para concretizar sua ascensão para a série A do Brasileirão. Time teve mais oportunidades e volume de jogo, mas não soube transformar em chances reais de gol. 

E O SEGUNDO TEMPO?

Se no primeiro tempo o Botafogo estava ansioso e nervoso para tentar sacramentar seu acesso para a série A do Brasileirão, a etapa final foi ainda mais difícil para o Glorioso. A equipe viu os visitantes melhorarem no jogo, partirem para cima do Glorioso e criarem boas oportunidades para abrir o placar. 

Um velho conhecido da torcida do Botafogo quase conseguiu marcar um golaço. Numa saída em velocidade, Rodrigo Pimpão aproveitou a sobra, ajeitou o corpo e emendou uma bicicleta. O atacante acertou uma linda finalização e o goleiro do Glorioso fez uma linda defesa e jogou pela linha de fundo. 

Na sequência, o Operário teve um escanteio e a cobrança foi perfeita. A bola ficou viva dentro da grande área, rebateu entre atacantes e defensores e caiu nos pés de Fabiano. O lateral esquerdo aproveitou a sobra e encheu o pé para fazer 1 a 0 e trazer todo um drama para a partida. 

Depois de sofrer o gol, o Glorioso se lançou para o ataque e criou diversas oportunidades. A melhor delas foi com Warley, que saiu em velocidade e cruzou rasteiro para dentro da área. Diego Gonçalves apareceu livre na área e bateu fraco, no meio do gol e sem dificuldades para o goleiro do Operário. 

Depois de muitos tentar e fazer o torcedor do Botafogo sofrer, Pedro Castro achou uma luz no fim do tunel. Chay fez grande jogada pela direita e colocou a bola na cabeça do volante, que se antecipou a marcação e cabeceou com muita qualidade para garantir o empate do Glorioso. 

Logo em seguida ao empate, o Botafogo conseguiu a virada e o acesso para a série A do Brasileirão. Frizo cruzou para área rasteiro, Rafael Navarro antecipou a marcação e bateu de primeira para fazer 2 a 1 e garantir os três pontos para o Glorioso. 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!