Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » PALMEIRAS

Borja diz estar triste por não fazer parte dos planos do Palmeiras: “Não entendo o motivo de não me quererem”

Mesmo com possibilidade, atacante não será inscrito para a semifinal da Libertadores

Redação Publicado em 21/12/2020, às 12h37

Borja diz estar triste por não fazer parte dos planos do Palmeiras: “Não entendo o motivo de não me quererem”
Borja diz estar triste por não fazer parte dos planos do Palmeiras: “Não entendo o motivo de não me quererem” - GettyImages

Miguel Borja está perto do fim de seu empréstimo ao Junior Barranquilla e irá retornar ao Palmeiras. No entanto, a equipe alviverde não pretende inscrever o atacante para a fase semifinal da Copa Libertadores. A tendência é que o jogador de R$ 35 milhões, maior investimento da história do clube, tenha um novo destino definido pelo Verdão.

Em entrevista ao “GloboEsporte”, o colombiano lamentou a falta de espaço no elenco alviverde. Por conta do calendário, Borja também não pode ser inscrito para a fase final da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro. Apesar da possibilidade de uma liberação da Fifa para disputar a Libertadores, o jogador afirmou que não deve integrar a equipe comandada por Abel Ferreira.

“O treinador me ligou e disse que estava me observando, que era para eu não me preocupar com as críticas de jogos que tinha feito no passado, principalmente de torcida e imprensa. A diretoria também me ligou e dizia que se o Junior não chegasse na final da Sul-Americana, que me usariam. Tudo era observado e agora é uma situação completamente diferente. Um advogado do Palmeiras nesses dias entrou em contato comigo e disse que eu não seria inscrito na Copa Libertadores, que teria que me reapresentar em janeiro para fazer os treinos e decidir o futuro para 2021”, disse Borja.

O colombiano destacou o desejo de disputar a semifinal da competição sul-americana e afirmou que poderia ajudar o Palmeiras na briga pelo título. Para ele, é difícil entender o motivo de não o desejarem no clube.

“Fico triste, foi uma surpresa para mim o Palmeiras não me inscrever na Libertadores. Eu poderia ajudar em uma semifinal. Queria muito ajudar o Palmeiras. Tenho um carinho muito grande por tudo o que fiz e pelo que a torcida fez por mim. Jamais vou esquecer aquela recepção que fizeram para mim (aeroporto de Guarulhos). Não entendo o motivo de não me quererem. Sou jogador do Palmeiras, era só chegar, vestir a camisa e jogar. Não entendo essa situação”, disse.

“Vou me apresentar no dia 10, tenho direito a uns dias de férias, vou chegar e conversar com o treinador. Estou disponível para o Palmeiras. Se não quiserem, vou pedir para meu empresário ver uma situação melhor para o futuro. Não interessa ganhar dinheiro se você está infeliz. O importante é estar feliz e jogando, estou buscando a minha felicidade. Quando saí do Palmeiras, pensei em não voltar mais. Não queria voltar mais. Mas hoje eu penso que posso ser importante para o Palmeiras, que tenho meu valor e que poderia ajudar na Libertadores”, disse.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!