Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / EITA!

Barcelona x Bayern: presidente catalão alfineta dirigentes alemães

Presidente do Barcelona mandou um recado afiado para o Bayern de Munique; clima entre os clubes está tenso desde a saída de Lewandowski para os espanhóis

Redação Publicado em 29/07/2022, às 09h43

Presidente do Barcelona, Joan Laporta ao lado de Lewandowski - GettyImages
Presidente do Barcelona, Joan Laporta ao lado de Lewandowski - GettyImages

Barcelona e Bayern de Munique estão praticamente em pé de guerra desde que Lewandowski pediu para sair do clube alemão e passar a defender os espanhóis. A transferência do craque não só gerou uma verdadeira novela no mundo da bola, como também diversos atritos entre dirigentes de ambos os clubes, que passaram a se alfinetar cada vez mais.

Além de terem feito jogo duro durante as negociações pelo acerto, alguns representantes do clube bávaro também alfinetaram o Barcelona em algumas oportunidades de entrevistas, ironizando o fato de o clube estar com problemas financeiros e mesmo assim investindo em contratações de peso. Diante disso, o presidente Joan Laporta respondeu nesta sexta-feira, 29.

Durante um evento promovido nos Estados Unidos, o mandatário do Barcelona foi questionado sobre as declarações feitas pelos dirigentes do Bayern de Munique e até mesmo do técnico Julian Nagelsmann. Laporta não poupou palavras para rebater o que havia lido e ouvido, sendo bastante duro em sua resposta ao rival.

"Eu peço que se atentem para sua conta corrente, pois entrou um dinheiro importante pela transferência de Lewandowski. Respeito a todos e não me meto na economia dos outros", disparou Laporta, quando citado pelo "Marcam". O presidente, inclusive, contou que o Barcelona pode fazer ainda mais contratações na janela de transferência.

Presidente do Barcelona, Joan Laporta
Presidente do Barcelona, Joan Laporta (Crédito: GettyImages)

Apesar de ter revelado esse próximo passo do clube catalão, o presidente se negou a falar dos nomes específicos que estariam a caminho da equipe, como Azpilicueta e Marcos Alonso, por exemplo, bastante especulados nas últimas semanas. Laporta também aproveitou para apontar que o potencial econômico dos espanhóis foi subestimado.

"Eu dou o benefício da dúvida de quem pensava que não poderíamos, não haviam medido a força do Barça. Notei um certo desconhecimento e falta de informação. É verdade que há um ano estávamos em uma situação crítica, mas somos um clube de 122 anos, com ativos muito importantes", explicou o presidente antes de completar.

"Cada um sabe o que tem que fazer, e se eu não me meto no que os outros fazem, pediria que não se metam no que nós fazemos. Vamos competir em campo e veremos quem trabalhou melhor. Não digo para discutir, mas que se preocupem com eles", finalizou o mandatário do clube espanhol, que não deixou nenhuma crítica passar.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!