Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / VISH!

Atlético-MG quer evitar erro do Flamengo e abre o jogo sobre fase ruim

O Atlético-MG não quer seguir com o erro do Flamengo e Rodrigo Caetano sabe o que fazer para a fase ruim passar no clube; confira detalhes sobre o tema!

Redação Publicado em 14/06/2022, às 09h22

Atlético-MG não quer sofrer da mesma sindrome que o Flamengo na temporada de 2022 - GettyImages
Atlético-MG não quer sofrer da mesma sindrome que o Flamengo na temporada de 2022 - GettyImages

O Atlético-MG não quer repetir o erro do Flamengo. Em entrevista coletiva, Rodrigo Caetano deixou bem claro que o Galo precisa viver no presente e não no passado. A equipe atravessa uma fase ruim sob o comando de Antonio Mohamed e os resultados não estão sendo dos mais agradáveis. A pressão em cima do clube é grande, mas o treinador vai seguir no comando. 

Durante o seu pronunciamento para os jornalistas, o diretor do Atlético-MG, de maneira indireta, avisou que não quer ver o Galo se apegar no Flamengo, que ainda sofre com vestígios da época de Jorge Jesus. Rodrigo Caetano reconheceu que a temporada de 2021 foi perfeita, mas que o time agora está em outro momento e precisa seguir vivo nos campeonatos.  

CANAL - SPORTBUZZ

A gente tem visto em outros clubes que, quando fica isso muito enfatizado, acaba que se tem uma certa dificuldade de olhar para frente", destacou

"Não podemos carregar esse negócio de que, por conta de um 2021 quase impecável, a gente não olhe para frente. Nós vamos andar para frente. Se a gente ficar o tempo todo olhando no ano passado, fazendo comparações... A gente aqui, trabalhando em um clube gigante, mira seguir conquistando, mas não com esse negócio de que se remete a um ano passado. Temos exemplos de outros clubes que vêm sofrendo isso também. Nós não podemos fazer isso", seguiu o diretor do Atlético-MG sobre o tema.

Turco deve seguir no Atlético-MG
Mesmo contestado, Atlético-MG deve seguir com 'El Turco' no comando da equipe - Crédito: Flickr (Pedro Souza/Atlético) 

As semelhanças entre o Flamengo de 2019 e o Atlético-MG de 2021 são grandes e os treinadores destas temporadas fazem falta nos respectivos clubes!

Enquanto Jorge Jesus deixou o seu legado no Flamengo e que ainda não foi superado, o Atlético-MG não quer sofrer o mesmo com Cuca. Ao contrário do português, que deixou o rubro-negro para retornar ao Benfica, o ex-técnico do Galo optou por abandonar o trabalho em Belo Horizonte por questões pessoais. 

Também adoramos o Cuca. Mas me preocupa porque são ciclos, são épocas. Seria talvez mais cômodo até da minha parte não estar aqui. Todos aqueles que passaram em 2021 serão lembrados, mas alguns têm o desgaste da continuidade e outros não", finalizou.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!