Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / POLÊMICA!

Athletico-PR detona arbitragem e relata agressão de assistente

Após a semifinal da Libertadores, Athletico-PR detalhou os bastidores do contato com o trio de árbitros e prometeu levar o assunto para a Conmebol

Redação Publicado em 31/08/2022, às 08h41

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Athletico-PR criticou a postura de Roberto Tobar - GettyImages
Athletico-PR criticou a postura de Roberto Tobar - GettyImages

Mesmo depois de vencer por 1 a 0, o Athletico-PR saiu da primeira semifinal da Libertadores bastante irritado por conta da arbitragem comandada pelo chileno Roberto Tobar. Com duas expulsões para a equipe da casa, o juiz incomodou os torcedores e também os dirigentes, que relataram comportamento “agressivo” por parte do trio de árbitros.

Em entrevista aos jornalistas na zona mista, o executivo Alexandre Mattos revelou que o preparador físico Túlio Flores foi agredido com um pisão no pé por um dos assistentes após o apito final. Além disso, o dirigente do Furacão contou que Roberto Tobar xingou membros da delegação do Athletico e demonstrou forte destempero depois da partida.

É um descontrole que eu nunca vi. Experiente, mas com muita polêmica. Eu não sei se ele [Roberto Tobar] estava nervoso. Ele veio com uma postura agressiva, xingando todo mundo. O árbitro é o poderoso da súmula. Ele deveria evitar o atrito entre os jogadores, mas saiu xingando as pessoas. Queremos fazer o repúdio porque isso precisa ser registrado”, disse Mattos.

Durante a partida, o Athletico-PR ficou com um jogador a menos depois da expulsão de Hugo Moura por conta do segundo cartão amarelo, já que o volante colocou a mão na bola ao pedir uma falta e não ser atendido. Pouco tempo depois, Felipão reclamou de um lance na lateral do campo e também recebeu o vermelho das mãos de Roberto Tobar.

Felipão reclamando no jogo do Athletico-PR
Athletico-PR viu Felipão ser expulso pelo árbitro (Crédito: GettyImages)

Athletico-PR e Palmeiras entraram em campo na noite da última terça-feira, 30, na Arena da Baixada, para o primeiro jogo da semifinal da Libertadores. Com a casa cheia, o objetivo dos mandantes era conseguir construir um bom placar para resolver a vaga com calma no Allianz Parque na próxima semana, e o triunfo por 1 a 0 pode ser fundamental para a volta.

O Athletico-PR chegou até aqui na competição depois de ter passado pelo Estudiantes, da Argentina, durante a disputa das quartas de final da Libertadores. Na soma dos resultados dos dois confrontos, o Furacão terminou com o placar de 1 a 0 sobre o adversário. Já o Palmeiras superou o Atlético-MG depois de um empate e um 6 a 5 nas penalidades.