Sportbuzz
Testeira
Futebol / LAMENTÁVEL!

Árbitro agredido durante partida recebe alta do hospital e manda recado para jogador: "Merece ficar preso por um bom tempo"

O árbitro Rodrigo Crivellaro foi atingido com um soco, e depois com um chute na cabeça pelo jogador do São Paulo-RS

Redação Publicado em 05/10/2021, às 14h23

Árbitro Rodrigo Crivellaro saindo do hospital de cadeira de rodas - Transmissão André Pereira/ RBS TV
Árbitro Rodrigo Crivellaro saindo do hospital de cadeira de rodas - Transmissão André Pereira/ RBS TV

Aos 16 minutos do segundo tempo da partida entre São Paulo-RS e Guarani, de Venâncio Aires, pela segunda divisão do Campeonato Gaúcho, o jogador William Ribeiro, do São Paulo, protagonizou uma cena lamentável dentro de campo, que até chegou a rodar o mundo.

Indignado com a marcação do árbitro Rodrigo Crivellaro, que paralisou a partida para advertir o jogador, o mesmo o atingiu com um soco e um pontapé na cabeça, levando o árbitro a cair no gramado, ficando desacordado, e precisando deixar o estádio de ambulância.

Já nesta terça-feira, 5, o árbitro deu entrevista à "Rádio Imembuí", de Santa Maria-RS. Rodrigo Crivellaro falou sobre o momento da agressão, dizendo que não se lembra de nada do que aconteceu, que não viu o vídeo, e ainda mandou um recado para o jogador.

Rodrigo recebeu alta do hospital nesta manhã, por volta das 9h30 (horário de Brasília), pouco tempo depois da entrevista.

"Bom dia, estou bem, graças a Deus, não foi nada grave. Estou no hospital, em recuperação, com o pescoço imóvel, mas nada demais. Nenhuma gravidade", disse o árbitro. 

"Eu não me lembro de nada. Eu dei cartão amarelo para ele, ele me deu um soco no rosto, aí eu caí e ele me deu um chute quando estava caído no chão. Desmaiei em campo e não me lembro de nada dessa parte. O exame deu nada grave. Só ficar com o pescoço imobilizado com colar cervical até passar. A princípio saio hoje (do hospital)", continuou.

"Ele precisa de um tratamento, porque é completamente descontrolado. Merece ficar preso um bom tempo", finalizou.

Por conta do acontecido, o jogo foi prontamente paralisado, e será retomada às 15h30 (horário de Brasília) desta terça no Estádio Edmundo Feix, em Venâncio Aires, com Thiago Rodrigues, quarto árbitro, assumindo o lugar de Rodrigo Crivellaro.

Logo depois de agredir o árbitro, William Ribeiro foi preso na noite da última segunda-feira, 4, e pode responder por tentativa de homicídio.

De acordo com informações do site "ESPN", que conversou com o delegado responsável pelo caso, não houve dúvida de que o atleta assumiu o risco de tirar a vida do árbitro, e foi por conta disso que ele foi preso em flagrante.

Caso seja condenado, ele poderia pegar de 12 a 30 anos pelo crime qualificado. No entanto, de acordo com o delegado, como Rodrigo Crivellaro não morreu, William teria de um a dois terços da pena reduzida.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!