Sportbuzz
Testeira
Futebol / TEM QUE AGUENTAR!

Após título da Copa do Nordeste, Bahia provoca Ceará; confira!

Bahia e Ceará protagonizaram cenas lamentáveis após o apito do juiz na Copa do Nordeste

Redação Publicado em 08/05/2021, às 19h24

Bahia venceu o Ceará na Copa do Nordeste - Felipe Oliveira / EC Bahia / Flickr
Bahia venceu o Ceará na Copa do Nordeste - Felipe Oliveira / EC Bahia / Flickr
Na tarde deste sábado, 08, Ceará e Bahia entraram em campo para disputar a partida de volta da grande decisão da Copa do Nordeste. No jogo de ida, a equipe cearense venceu por 1 a 0 e buscava o empate para ficar com o título.
 
No entanto, o Bahia voltou melhor do intervalo e garantiu a vitória no tempo normal pelo placar de 2 a 1. Com a igualdade no resultado agregado, a decisão foi para os pênaltis. Nas cobranças decisivas, o time baiano levou a melhor e faturou o título da Copa do Nordeste.
 
 
Logo após o apito final e a cobrança decisiva do Bahia, uma confusão generalizada tomou conta do estádio e os jogadores trocaram socos, pontapés e muitos xingamentos. Com a chegada da Polícia e de alguns seguranças, os ânimos foram acalmados.
 
Contudo, o clima quente segue agitando as redes sociais. Depois da conquista do tetracampeonato na história da Copa do Nordeste, o Bahia foi até as redes sociais para provocar o Ceará.
 
 
Ao relembrar a trágica derrota do Brasil diante do Uruguai no estádio do Maracanã, o Tricolor de Aço fez referência à Arena Castelão e criou um novo nome para provocar e alfinetar o Ceará.
 
“Castelaço”, escreveu o Bahia. “Sem treta, só tetra”, continuou.

JOGO!

 
A segunda etapa teve início e o Bahia logo abriu o placar. Aos 16 minutos, a bola tocou no braço de Luiz Otávio. Após a revisão no VAR, o juiz apontou a marca da cal. Na cobrança, Rodriguinho deslocou o goleiro e deixou o dele. 1 a 0.
 
Bem melhor na segunda etapa, o Tricolor de Aço seguiu no campo de ataque e logo marcou o segundo. Aos 25 minutos, Gilberto recebeu bom passe de Rodriguinho e chutou cruzado para aumentar a vantagem. 2 a 0.
Com muitas dificuldades no segundo tempo, o Ceará via o Bahia chegar com perigo para matar o jogo. Aos 36 minutos, Juninho cabeceou e tirou tinta da trave. No entanto, o futebol reserva surpresas e quem balançou as redes foi o Vozão.
 
Aos 38 minutos, Marlon cruzou na cabeça de Jael, que testou firme para diminuir. Já na reta final, o duelo seguiu bastante equilibrado e com boas chances de gol. Porém, a decisão foi para as penalidades.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!