Sportbuzz
Testeira
Futebol / COMPLICADO

Após ter áudios vazados, presidente do Real Madrid se defende, e diz que admira Cristiano Ronaldo e José Mourinho

Florentino Pérez, presidente do Real Madrid, teria detonado Cristiano Ronaldo e José Mourinho

Redação Publicado em 15/07/2021, às 09h05

Presidente do Real Madrid se defende após áudios sobre Cristiano Ronaldo e José Mourinho - GettyImages
Presidente do Real Madrid se defende após áudios sobre Cristiano Ronaldo e José Mourinho - GettyImages

Depois de uma sequência de vazamentos de áudios de Florentino Pérez, o presidente do Real Madrid resolveu se pronunciar sobre eles, garantindo que estão fora de contexto, e que ao contrário do que sugerem, ele admira Cristiano Ronaldo e José Mourinho.

 

Através de um comunicado enviado ao jornal "A Bola", o mandatário do Real Madrid fez questão de dizer que não possui nenhum tipo de problema com Cristiano Ronaldo e José Mourinho, alguns dos alvos dos áudios divulgados na última quarta-feira, 14.

"Tenho uma magnífica relação, que sempre se baseou na amizade e no respeito, com Jorge Mendes há mais de 15 anos. O trabalho dele com o Real Madrid foi sempre muito profissional, íntegro e transparente. Se não fosse assim teria sido impossível construir a relação que mantivemos, tanto com o Jorge Mendes como com todas as pessoas por ele representadas, especialmente Cristiano Ronaldo e José Mourinho", escreveu em um dos trechos.

"Admiro-os muito e mantenho com eles uma relação muito especial", reforçou.

A divulgação

O jornal "El Confidencial" começou a divulgar, na última segunda-feira, 12, alguns áudios antigos de Florentino Pérez, onde o presidente do Real Madrid ataca alguns ídolos do clube com palavras fortes.

Os primeiros impactados com as declarações do mandatário merengue foram o ex-atacante Raúl e o ex-goleiro Iker Casillas, em declarações que teriam sido dadas entre os anos de 2006 e 2008.

Já na terça-feira, 13, outros áudios, que seriam de 2012, foram publicados fazendo citações a Cristiano Ronaldo e José Mourinho. Neles, Florentino afirma que o craque português é um "idiota e doente".

Além disso, ele aponta que não é normal, indicando que o empresário Jorge Mendes não consegue mandar no astro e nem no técnico José Mourinho.

Dentre as declarações trazidas à tona pelo jornal espanhol, Florentino Pérez acusa o presidente do Porto, Pinto da Costa, de desviar dinheiro das transferências de jogadores como Pepe, Paulo Ferreira e Ricardo Carvalho

"Também mantenho uma relação de grande amizade com Pinto da Costa, presidente do Porto, com quem já tivemos oportunidade de fazer vários negócios, todos baseados na máxima transparência. As gravações foram obtidas de forma ilícita e estão descontextualizadas para provocarem uma interpretação que não corresponde à realidade", finalizou Pérez.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!