Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » APOIO!

Após receber críticas, Neymar ganha o apoio da família nas redes sociais: "Após isso se levantará novamente"

Atacante do PSG se lesionou durante o jogo contra o Caen e Rafaella Santos e Neymar Pai desabafaram

Redação Publicado em 12/02/2021, às 06h21

Neymar e Rafaella Santos juntos para a foto
Neymar e Rafaella Santos juntos para a foto - Reprodução/Instagram

Na última quarta-feira, 10, durante a partida entre PSG e Caen, Neymar Jr. levou a pior após sofrer uma entrada dura de Steeve Yago na coxa direita e deixar o gramado com dores na região que seria examinada.

Logo depois, na quinta-feira, 11, o clube parisiense divulgou o resultado dos exames feitos no local e anunciaram uma lesão no músculo adutor da coxa esquerda do brasileiro, que pode desfalcar a equipe francesa por até quatro semanas.

A polêmica começou porque essa não é a primeira vez que o atacante se machuca nessa época do ano, que coincide com o feriado do Carnaval, que não acontecerá esse ano por conta da pandemia de coronavírus.

A partir daí, Neymar passou a receber diversas críticas nas redes sociais e inclusive se manifestou sobre o assunto em uma publicação.

"As vezes eu me sinto incomodado pelo meu estilo de jogo, por eu driblar e acabar apanhando constantemente, não sei se o problema sou eu ou que faço em campo.. isso realmente me entristece", diz em um dos trechos.

Porém, além das críticas, o jogador também recebeu muito apoio, tanto de seus seguidores como da sua família.

Neymar da Silva Santos, o pai do craque do PSG, usou as redes sociais para desabafar sobre mais uma lesão do filho, e ainda aproveitou para responder a crítica feita pelo treinador do Caen.

Em entrevista ao canal "Eurosport" depois da derrota por 1 a 0, Pascal Dupraz, técnico do Caen reclamou de pênalti não marcado para sua equipe e ironizou o atacante brasileiro ao dizer que "Não ia chorar" como o jogador. 

O pai de Neymar não poupou palavras para defender o filho.

"Realmente meu filho tem que chorar, mas não pelo que você imagina, meu senhor... ele tem que chorar por existirem treinadores como você", disse antes de completar.
"(Por existirem) árbitros desse nível, ligas negligentes e omissas, jornalistas na grande minoria tendenciosos e covardes no esporte... Sim, ele tem que chorar... Mas o nosso choro e o dele, do meu filho, do atleta, da magia do futebol durará mais uma noite e após isso se levantará novamente, como sempre, para vencê-los", finalizou.
O craque ainda recebeu o apoio da irmã Rafaella Santos, que gravou uma série de vídeos sobre o assunto em sua rede social.
"Pensei muito em fazer esse vídeo, mas quando eu vi a postagem do meu irmão, eu fiquei muito triste por ele ter que se explicar. Acompanho meu irmão desde a base, desde que eu me entendo por gente e sempre, sempre e sempre a gente ouvia críticas, xingamentos, mas graças a Deus a gente tem um Deus que nos honra", começou dizendo.
"Me deparei com vários comentários de técnicos, comentaristas, jornalistas, aqueles que entendem de futebol. Eu não entendo de futebol, mas entendo o que é maldade, o que é crueldade, isso eu entendo, meus pais me ensinaram o que é maldade, o que é crueldade, o que é certo, o que é errado", completou.
"E eu fico assustada com esses comentários. Como que alguém torce para a pessoa apanhar? Como que alguém pede: 'Ele merece apanhar' Como? As pessoas não tomam uma atitude, elas simplesmente não fazem nada. Até quando vai isso? Para mim, isso não é futebol", desabafou.
"Então, em toda a partida agora eu só peço que proteja ele, nem para que ele ganhe, mas para que proteja, que não se machuque, para que nenhum jogador maldoso machuque ele. Eu vejo muitos comentários maldosos na internet, mas ao mesmo tempo eu vejo a força que meu irmão tem, de voltar o mais rápido possível e que ele volte brilhando, para que ele volte com aquele sorisso maravilhoso que ele tem e incomoda muita gente, para que ele volte incomodando aqueles que chamam ele de mimado, de moleque, chorão, cai cai", conta.
"Desejo para você, aquelas pessoas maldosas que chamaram ele assim, que desejaram que ele apanhasse, que falaram que era encenação, então é para você que eu estou falando, para você que desejou tudo de ruim para ele, porque ele vai voltar e incomodar muito mais vocês. Então quem desejou que ele apanhasse, que xingou ele, que fala maldade dele, todas essas pessoas, é só isso, porque ele vai voltar muito mais forte e incomodar muito mais vocês, muito mesmo", finalizou.
Antes de chegar na sequência de vídeos feitos por Rafaella, a loira havia publicado uma foto de um programa de tv esportivo que fez a enquete: "Neymar merece apanhar?" com a opção de os telespectadores escolherem entre sim e não.
Na legenda, a influencer escreveu: "Como uma emissora e 'jornalistas' têm a coragem de colocar isso em pauta?".

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!