Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram Sportbuzz
Futebol » Confusão em campo

Após atraso de salário, jogadores do Figueirense cumprem ameaça e forçam W.O

Jogadores não entraram em campo contra o Cuiabá, nesta terça-feira, 19

SportBuzz Digital Publicado em 21/08/2019, às 08h43

None
- Figueirense forçam W.O. (Crédito: Reprodução / Premiere)

Na noite desta terça-feira, 20, os jogadores do Figueirense se recusaram a entrar em campo e perderam de W.O para o Cuiabá, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Os atletas já haviam avisado a diretoria que isso iria ocorrer caso não houvesse o pagamento dos salários atrasados do mês de junho.

"Os atletas profissionais do Figueirense Futebol Clube vem a público exigir que a diretoria se comprometa através de nota oficial a não realizar retaliações como: rescisões contratuais, afastamento de qualquer atleta ou demissão de funcionários sem justa causa até o final do Campeonato Brasileiro da Série B 2019. Ainda que se comprometam a quitar todos os débitos com as categorias de base, funcionários do clube, prestadores de serviços, colaboradores e nós, os jogadores, sendo pago totalmente a dívida em questão. (...) Nosso elenco como sempre permanecerá unido”, informaram os atletas em carta aberta divulgada no inicio da semana.

Em nota, o clube ressaltou que a atitude não reflete a opinião da comissão técnica.

"O Figueirense Futebol Clube comunica que a decisão de promover o W.O. na partida da Série B do Campeonato Brasileiro desta terça-feira, 20 de agosto, contra o Cuiabá, em Mato Grosso, é exclusiva dos jogadores profissionais relacionados para o confronto. Vale ressaltar que a comissão técnica se apresentou normalmente para a disputa e o setor de logística do Alvinegro promoveu todos os procedimentos prévios para entrada em campo dos atletas", disse o time.

Após o W.O, o Figueirense será punido com multa de R$ 5 mil pela CBF e perde para o Cuiabá de 3 a 0. A equipe também será punida em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva: o 203 (deixar de disputar, sem justa causa, partida, ou dar causa à sua não realização ou à sua suspensão) e o 191 (deixar de cumprir ou dificultar o cumprimento).