Sportbuzz
Testeira
Futebol / NÃO TEM JEITO!

Após eliminação do Fluminense na Libertadores, internautas não seguram provocação: "Cheirinho"

Fluminense está fora da Libertadores depois de ser superado pelo Barcelona-EQU nas quartas de final

Redação Publicado em 20/08/2021, às 06h59

Fred, jogador do Fluminense de cabeça baixa após a eliminação da equipe na Libertadores - GettyImages
Fred, jogador do Fluminense de cabeça baixa após a eliminação da equipe na Libertadores - GettyImages

Na noite desta quinta-feira, 19, não deu para o Fluminense. A equipe até tentou de tudo para se classificar à semifinal da Libertadores diante do Barcelona-EQU, mas o empate em 1 a 1, além do 2 a 2 conquistados no Maracanã, deu a vaga ao adversário.

Está foi a sétima participação do Fluminense na Libertadores, sendo que a última foi em 2013, e por conta disso, a torcida estava empenhada em apoiar o time para que ele pudesse chegar ao menos até a final da competição, que pode ter Palmeiras, Atlético-MG ou Flamengo.

Como a rivalidade entre os times nunca deixa de existir no futebol, foi inevitável abrir as redes sociais depois da eliminação, e não se deparar os memes, zoeiras e brincadeiras de torcedores rivais ao Fluminense.

Inclusive, alguns até utilizaram da famosa frase "Cheirinho", geralmente dita aos torcedores do Flamengo, para dizer que o Tricolor só chegou perto da taça, mas não passou disso, enquanto outros se lembraram do jejum de título que o clube está amargando.

Confira algumas das reações da torcida nas redes sociais:

O jogo

No primeiro tempo, o Barcelona logo chegou com perigo. Aos dois minutos, Damián Díaz cobrou falta com veneno e viu Marcos Felipe fazer boa defesa. Aos cinco, Fred deu a resposta, mas finalizou para longe do gol.

Melhor na partida, o Fluminense passou a dominar o jogo. Aos 13 minutos, Luiz Henrique finalizou da entrada da área e tirou tinta do travessão. Aos 15, Perlaza respondeu e parou na defesa do goleiro. Após o início agitado, a partida perdeu ritmo.

Sem inspiração, o Barcelona pouco ameaçou a meta rival. Aos 35, Burrai se atrapalhou para defender cruzamento e quase entregou o ouro. Aos 38, Ganso sofreu séria lesão no braço ao tentar emendar uma bicicleta e deixou o jogo. Aos 43, Samuel Xavier levou perigo.

No segundo tempo, o Fluminense voltou determinado para balançar as redes do adversário. Contudo, as primeiras chances na etapa final foram dos donos da casa. Aos três minutos, León apareceu sozinho para cabecear, mas perdeu grande oportunidade.

Aos seis minutos, Fred deu a resposta para o Tricolor e cabeceou por cima do gol. Dois minutos mais tarde, Damián Díaz voltou a dar as caras no Barcelona, finalizou da entrada da área e mandou para fora. Aos nove, Marcos Felipe defendeu chute de Perlaza.

Ainda com ritmo lento, o Fluminense passou a encontrar dificuldades para chegar com perigo à meta rival. Assim, o time da casa continuou bastante tranquilo no jogo e escolheu o contra-ataque como arma para balançar as redes.

E a tática deu resultado. Aos 27 minutos, Hoyos achou lindo passe pelo alto para Mastriani, que se posicionou bem nas costas da defesa e bateu na saída do goleiro. 1 a 0 Barcelona. Aos 31, o autor do gol teve mais uma chance e parou na grande defesa de Marcos Felipe.

Sem conseguir chegar ao ataque, o Fluminense pouco ameaçou a meta rival. Mesmo com diversas substituições, a equipe brasileira perdeu grandes chances com Fred e Kayky nos acréscimos e não conseguiu furar o bloqueio do Barcelona.

No entanto, o VAR chamou o juiz já aos 50 minutos. Após revisar lance dentro da área, o árbitro marcou pênalti de Riveros em Luccas Claro. Na cobrança, Fred converteu e garantiu o empate em 1 a 1. Mesmo assim, o Tricolor foi eliminado na Libertadores. Fim de papo!


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!