Sportbuzz
Testeira
Futebol / COMPLICADO

Após confusão na partida entre Nice e Olympique, Liga Francesa convoca times para reunião

Partida entre Nice e Olympique foi suspensa neste domingo, 22, depois de uma briga generalizada com a torcida

Redação Publicado em 23/08/2021, às 10h15

Treinador do Olympique sendo contido após confusão no jogo contra o Nice - Transmissão Bein Sports
Treinador do Olympique sendo contido após confusão no jogo contra o Nice - Transmissão Bein Sports

Neste domingo, 22, a confusão tomou conta da partida entre Nice e Olympique pelo Campeonato Francês. Por conta disso, a Comissão Disciplinar da Liga Francesa (LFP) se posicionou sobre os graves incidentes, e marcou uma reunião com ambos os clubes.

O clássico realizado no estádio Riviera foi interrompido aos 30 minutos do segundo tempo quando os torcedores locais atiraram uma garrafa com líquido nas costas de Payet, do Olympique de Marselha, antes de cobrança de escanteio.

Irritado, o meia revidou, e atirou o objeto de volta para a torcida. Na sequência, houve invasão do gramado, agressões, e a partida teve que ser paralisada por mais de uma hora, e teve seu reinício autorizado pelo árbitro.

No entanto, como o time visitante se recusou a voltar, a partida teve que ser suspensa.

"Após os graves incidentes do encontro OGC Nice x Olympique de Marselha, a Comissão Disciplinar da LFP convoca os dois clubes para a sessão de quarta-feira, 25 de agosto de 2021", explica a nota da liga francesa.

Além disso, a Comissão Disciplinar da Liga Francesa (LFP) vai definir ainda hoje se mantém o resultado da partida quando ela foi suspensa, o 1 a 0 para o Nice ou não, além de possíveis punições. A reunião entre os clubes está marcada para esta quarta-feira, 25.

Segundo informações do site "Globo Esporte", o clima no estádio foi de caos total e "muita vergonha". Inclusive, a delegação do Olympique teve que ficar algumas horas dentro do local antes de ter segurança para sair.

Quando chegou de madrugada em Marselha, o ônibus do time foi recebido com festa pelos torcedores locais.

Já em Nice, a polícia local prendeu apenas três menores na confusão, e ainda investiga o caso, enquanto a Liga Francesa estuda até quarta-feira qual atitude tomar para limpar a imagem do futebol local.

De acordo com o jornal francês "L'Equipe", a liga espera aumentar seu alcance comercial depois da chegada de Lionel Messi ao PSG, com novos mercados de TV e aumento de patrocínio para todos em discussão.

No entanto, as vergonhosas cenas e atitudes em Nice no domingo deixaram essa tarefa um pouco mais complicada.

"Esses torcedores claramente nunca deveriam ter tido permissão para entrar em campo", disse Roxana Maracineanu, ministra dos esportes francesa, à BFM TV.

A ministra ainda acrescentou dizendo que o problema era ainda mais lamentável, já que os estádios estavam vazios por vários meses por conta dos protocolos de saúde contra o coronavírus.

"Esses incidentes são um insulto para o esporte e o futebol", completou.

Além dela, o problema também foi comentado, e condenado por Christian Estrosi, prefeito da cidade de Nice. 

"Esta violência é inaceitável. As sanções devem ser tomadas pela liga francesa de futebol assim que descobrirem os responsáveis", avaliou o político.

Já o presidente do Olympique de Marselha, Pablo Longoria, explicou a decisão do clube de não voltar a campo para dar continuidade ao jogo.

"Nós decidimos não continuar a partida pela segurança dos nossos jogadores. É a segunda vez que isso acontece, houve outro caso em Montepellier, e naquela ocasião nós prosseguimos. O que aconteceu hoje é completamente inaceitável. Temos que estabelecer precedentes para o futebol francês", contou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!