Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » NOS TRIBUNAIS!

Após condenação na Fifa, Palmeiras vai recorrer ao CAS por 'caso Borja'

Verdão foi condenado a pagar quase 16 milhões de reais ao Atlético Nacional, da Colômbia

Lucas Miluzzi Publicado em 23/04/2020, às 17h42 - Atualizado às 18h19

Miguel Borja em ação com a camisa do Palmeiras
Miguel Borja em ação com a camisa do Palmeiras - GettyImages

Na última quarta-feira, 22, a Fifa condenou o Palmeiras a pagar 16 milhões de reais ao Atlético Nacional, da Colômbia. O valor é referente a transferência do colombiano ao Palmeiras, mas o Verdão rechaça a possibilidade de pagamento da dívida nos próximos 45 dias.

Em entrevista ao Fox Sports Rádio, André Sica, advogado da equipe brasileira, afirmou que o time não vai fazer nenhum pagamento durante esse curto período de tempo. O profissional alegou que vai levar o caso até a sua última instância no CAS.

"É uma questão de interpretação. O Palmeiras entende que pode pagar até o final do contrato. A Fifa, como vocês viram, entendeu de uma outra maneira, que deveria ter sido pago em outro momento. Nós seguimos descordando. O fato do Atlético Nacional publicar isso é uma grande besteira. O Palmeiras pediu o fundamento da decisão, vamos recorrer ao CAS. Eles averiguarão o processo, ele vão apresentar razões de apelação. Ao final desse processo vamos pagar o valor. Mas não é nem próximo de ser para agora", explicou.

Mesmo com toda essa disputa judicial, tanto o Palmeiras quanto o Atlético Nacional possuem boa relação um com o outro. André Sica acredita que esse pode ser um diferencial para que as negociações se encaminhem da melhor maneira possível para o clube alviverde.

"Achei o comunicado do Atlético inteligente. Super dentro da normalidade, a entrevista dele para vocês foi excelente, temos um diálogo aberto com eles. Falo muito com o presidente e com o advogado deles. Temos, mesmo com a ação vigente, soluções alternativas, mas o assunto não está longe de resolver não. Seja pela transferência do Borja ou por algum tipo de acordo entre as partes", concluiu.

Borja foi contratado pelo Palmeiras por 33 milhões de reais no início de 2017, após ter feito excelente campanha na Libertadores com o Atlético Nacional, o atacante nunca conseguiu se firmar e corresponder as expectativas em torno dele.

O jogador fez apenas 36 gols em 112 partidas com a camisa alviverde. Durante um longo período foi duramente criticado, pelos torcedores, pela falta de gols nos jogos.

Tanto é, que em 2019, o atleta viveu seu pior ano no time paulista e terminou a temporada como a quarta opção de ataque.

Com a má fase vivida pelo centroavante, o Palmeiras emprestou o jogador ao Júnior Barranquilla, da Colômbia, clube pelo qual ficará emprestado até o fim de 2020.

Além disso a equipe colombiana vai arcar com o salário integral do atacante, além de ser obrigada a comprar 50% dos direitos econômicos do atleta caso ele participe de 73% dos jogos ou alcance a marca de 23 gols no ano.


5 itens que os palmeirenses não podem deixar de ter

1- Bíblia do Palmeirense - https://amzn.to/2MzBC84

2- Caneca Trigger Palmeiras - https://amzn.to/31ylx6D

3- Luminária LED Palmeiras - https://amzn.to/2W1PZFc

4- Almofada de Pipoca - https://amzn.to/2J9irzz

5- Chaveiro Palmeiras - https://amzn.to/2P6JYFD

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!