Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » VOLANTE RALF

Após acidente, Ralf não é relacionado para o clássico contra o São Paulo

Jogador do Corinthians se envolveu em um acidente de carro na noite de sexta-feira, 11; jogador foi liberado para resolver assuntos particulares

Gabriela Santos Publicado em 12/10/2019, às 18h22

Ralf, do Corinthians, não é relacionado para o clássico após acidente de carro
Ralf, do Corinthians, não é relacionado para o clássico após acidente de carro - Getty Images

Ralf não foi relacionado pelo Corinthians para enfrentar o São Paulo no clássico do próximo domingo, às 18h, no Morumbi.

Sem Ralf, provavelmente Gabriel será escalado por Fábio Carille no Majestoso, válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

O volante alvinegro foi liberado pelo clube após o acidente de carro que sofreu na noite da última sexta-feira, 11, por volta das 22h, no bairro da Água Rasa, zona leste de São Paulo. Ele também não participou dos treinamentos deste sábado. Ralf foi liberado pelo Timão para resolver assuntos particulares. 

Confira a lista de relacionados do Corinthians:

Goleiros: Cássio e Walter; Laterais: Danilo Avelar, Fagner, Michel e Carlos; Zagueiros: Gil, Manoel, Marllon e Bruno Méndez; Volantes: Gabriel, Renê Jr, Matheus Jesus e Ramiro; Meias: Jadson, Régis e Mateus Vital; Atacantes: Vagner Love, Boselli, Gustavo, Clayson e Janderson

O caso:

O carro de Ralf atropelou um idoso de 68 anos, que está na Santa Casa com suspeita de fratura em uma das pernas. O automóvel ainda entrou em uma casa, passando por dois portões, sendo um de metal e um de madeira. De acordo com a defesa do jogador, o veículo era conduzido pelo seu segurança. Ralf era um dos passageiros do carro.

Segundo o Boletim de Ocorrência, o segurança estava 'visivelmente embriagado', mas a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo não confirmou o motorista. O caso foi registrado como atropelamento, lesão corporal culposa na direção do veículo atomotor, embriaguez ao volante e fuga do local do acidente.

Nota da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo:

O caso foi registrado como atropelamento, lesão corporal culposa na direção de veículo automotor, embriaguez ao volante e fuga do local do acidente, pelo 31º DP e é investigado pelo 30º DP, responsável pela área. Apenas um dos envolvidos no acidente permaneceu no local e realizou o teste do bafômetro que resultou positivo para o consumo de álcool. Diligências estão em andamento visando localizar os demais envolvidos, assim como esclarecer o responsável pelo crime.

Informações públicas do Boletim de Ocorrência do caso:

Um ajudante de serralheiro, de 68 anos, foi atropelado, às 22h45 de sexta-feira (11), na Rua Marechal Barbacena, Água Rasa, zona leste de São Paulo.

Policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de acidente de trânsito e ao chegarem no local foram informados que um Hyundai/Santa Fé havia atropelado a vítima que estava em um ponto de ônibus e invadido a garagem de uma residência.

O dono da casa, de 50 anos, informou que estava na sala quando ouviu um forte estrondo. Ao olhar pela janela para verificar o ocorrido notou que o veículo havia invadido sua garagem, danificando os dois portões. Não foi possível verificar quem estava dirigindo.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!