Sportbuzz
Testeira
Futebol / EXCLUSIVO!

Anderson Talisca fala sobre sua escolha de ir ao futebol asiático e carreira na música

Em entrevista exclusiva ao SportBuzz, Anderson Talisca contou porque optou por deixar o futebol europeu e falou sobre seu projeto ‘SPARK’

Lucas Cesare Publicado em 18/10/2021, às 16h12 - Atualizado às 16h18

Em entrevista exclusiva ao SportBuzz, Anderson Talisca contou porque optou por deixar o futebol europeu - Getty Images
Em entrevista exclusiva ao SportBuzz, Anderson Talisca contou porque optou por deixar o futebol europeu - Getty Images

Anderson Souza Conceição, mais conhecido como Anderson Talisca, é um meia-atacante que atualmente joga pelo Al-Nassr, da Arábia Saudita. O jogador surgiu para o mundo do futebol em 2013, quando defendia as cores do Bahia e, ao obter destaque no Campeonato Brasileiro, foi contratado pelo Benfica, de Portugal, quando tinha apenas 20 anos. Em entrevista exclusiva ao SportBuzz, o jogador contou um pouco de como foi sua adaptação ao futebol europeu.

“Para mim ter ido para fora foi tudo muito novo, tudo muito difícil, mas consegui me adaptar bem porque fui para um país que fala a língua portuguesa, então não senti muita dificuldade. Cheguei no verão, então para me adaptar foi perfeito e eu fui muito feliz durante esse período de três anos e meio em Portugal. Para mim foi fantástico, conquistei muitos títulos e dei muitas alegrias ao torcedor benfiquista”, começou dizendo.

Com passagens por grandes clubes europeus como Benfica e Besiktas, Talisca optou por trilhar um caminho que muitos jogadores de futebol escolhem e se transferiu ao futebol asiático em 2018, aos 24 anos, quando trocou o time turco pelo Guangzhou Evergrande, da China.

Quando perguntado sobre o porquê de ter trocado o futebol europeu pelo asiático ainda tão jovem, o jogador revelou que, na época, negociava com um grande clube da Inglaterra, mas por alguns problemas não conseguiu se transferir à equipe e acabou aceitando a proposta chinesa.

“As pessoas até achavam nesse período que eu ia para alguns clubes europeus, mas acabaram acontecendo algumas coisas que me levaram a tomar a decisão de ir à China. Naquele momento eu estava conversando com o Guangzhou e com o Manchester, e houveram alguns problemas que fizeram com que eu não fosse para o clube europeu. Então eu recebi uma proposta muito magnífica da China e acabei optando por ir”, revelou Talisca.

PROJETO SPARK

Desde 2020, Anderson Talisca iniciou um projeto de se lançar na música como artista de ‘Trap’, onde se deu o nome artístico de Spark.

“Spark foi um nome escolhido por mim. A tradução de ‘Spark’ em inglês é ’Faísca’ e tem tudo a ver com Talisca, então eu quis sempre estar em conjunto comigo mesmo, sempre bem formal, bem alinhado. Eu também já assisti um filme que se chamava Spark e eu gostei muito do filme, então decidi colocar esse nome, Spark Trap”.

De lá para cá, o jogador, e agora músico, já lançou mais de 15 faixas e contou que o projeto é algo sério e não está fazendo apenas como um hobby. Apaixonado por música, Talisca disse que pretende seguir com sua carreira musical quando pendurar as chuteiras.

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Spark (@sparkoficialtrap)

 

“Spark para mim é uma profissão. Eu não tenho isso em mente como um hobby, porque para mim não é uma brincadeira. O quanto eu me dedico vocês não têm noção, então para mim isso não é uma brincadeira, para mim isso é uma profissão e uma profissão que só não se concretizou ainda pelo fato de eu estar jogando, mas quando eu encerrar minha carreira futebolística o meu projeto já vai estar consolidado, porque o meu projeto já tem bastante tempo aí na rua”.

O atleta também ressaltou que seu trabalho na música não atrapalha em nada sua carreira como jogador de futebol, até porque ele trabalha no seu projeto musical sempre em seu tempo livre, quando está em casa descansando.

“Até então, graças a Deus, não teve problema nenhum em conciliar a carreira do futebol com a música, até porque nenhuma atrapalha a outra, nenhuma toma o ambiente da outra. Quando eu estou gravando ou fazendo alguma coisa para o projeto do ‘Spark’ eu estou em casa, descansando, tenho um produtor que mora comigo, que é o Rafa Jah, então a gente consegue fazer tudo de casa e mandar para a galera do marketing, que faz a divulgação, sem problema nenhum. Então não atrapalha em nada, e quando eu estou de férias, tem alguns shows que vão sendo marcados para apresentação do Spark”.

Talisca em show como 'Spark' (Créditos: Felipe Ferreira)

 

Por fim, Talisca contou que possui alguns amigos famosos na música e que estes farão participações especiais em seu álbum, que será lançado em dezembro deste ano.

“Muitos amigos, como Léo Santana, Mc Lan, Júnior Lord, Jaya Luuk, Makonnen, Ítalo Melo, Mano John, Diegão do (Pagode) Segredo, então possuo muitos amigos na música. O meu novo álbum está saindo em dezembro e eu estarei lançando o álbum com quatro feats, um é o Júnior Lord, um é o Jaya Luuk, o Makonnen e o Ítalo Melo, então vai ser um álbum que a galera está esperando muito e eu creio que vai dar tudo certo”, concluiu ele.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!