Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / EITA!

Allegri detona momento de Dybala e revela frustração com Messi

Allegri comparou o momento de auge de Messi com a carreira de Dybala, indicando que o jogador achava que iria chegar aos pés do craque do PSG

Redação Publicado em 31/05/2022, às 16h03

Allegri detona Dybala e faz comparação com Messi - GettyImages
Allegri detona Dybala e faz comparação com Messi - GettyImages

Segundo Allegri, técnico da Juventus, desde que Messi se destacou como um dos melhores jogador do mundo, no fim dos anos 2000, todos os atletas argentinos que brilhavam seriam o novo craque. No entanto, em sua visão essa projeção acabou atrapalhando um em especial: Paulo Dybala, que inclusive está livre no mercado depois de encerrar seu contrato na Itália.

"Dybala tem de voltar a ser ele próprio. Houve um momento em que se deixou levar pela história de que ia ser o novo Messi. Um jogador não pode imitar ou pensar em ser outro. Dybala ainda tem muito a dar, possui qualidades técnicas extraordinárias e joga de forma quase divina, mas tem de voltar a se concentrar nas suas próprias capacidades", disse Allegri em entrevista à emissora "DAZN".

Canal - SportBuzz

No entanto, apesar de Messi ter revolucionado a forma de se jogar futebol, o treinador da Velha Senhora revelou que tem uma frustração com relação ao argentino. "Treinei campeões como Cristiano Ronaldo, Ibrahimovic, Ronaldinho, Robinho, Cassano, Seedorf, Pirlo, Buffon... O único que me falta treinar é o Messi", contou o comandante.

Saída decretada

O contrato de Dybala com a Juventus se encerrou oficialmente por agora, mas a saída do jogador já estava sendo especulada, e até mesmo decretada há um bom tempo. Isso porque em março de 2021, Pavel Nedved, vice-presidente do time bianconero falou da importância de Dybala para o clube, mas não descartou negociar o jogador na janela de transferências.   

Allegri fala de Dybala e frustração com Messi
Allegri fala de Dybala e frustração com Messi (Crédito: GettyImages)

"Tem feito falta. Creio que este ano não jogou mais de 800 minutos conosco. É muito pouco. A sua presença garantiria variantes ofensivas e gols que obviamente perdemos até agora. Ele tem contrato de mais um ano e não tenho mais nada a acrescentar. Paratici e o presidente Agnelli já disseram tudo. Mas é claro que na Juventus avaliamos todas as oportunidades de mercado", afirmou em entrevista ao "DAZN". 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!