Sportbuzz
Testeira
Futebol / COMPLICADO

Alexander Medina assume responsabilidade por eliminação do Inter

Alexander Medina corre o risco de ser demitido do comando do Internacional depois da eliminação da equipe na primeira fase da Copa do Brasil

Redação Publicado em 04/03/2022, às 09h52

Alexander Medina, treinador do Internacional - GettyImages
Alexander Medina, treinador do Internacional - GettyImages

Alexander Medina não escapou das críticas depois da eliminação do Internacional na primeira fase da Copa do Brasil. Apontado como principal responsável pela queda da equipe na competição, o treinador resumiu a derrota como sendo um "golpe duro", e assumiu a responsabilidade pelo resultado negativo conquistado na noite desta quinta-feira, 3.

Medina, que inclusive está correndo o risco de perder seu emprego ainda nesta sexta-feira, 4, quando o presidente do Internacional, o vice e os membros do Conselho de Gestão vão se reunir para discutir algumas soluções para a temporada. Coincidentemente, o treinador completou 50 dias de trabalho no clube gaúcho justamente na derrota para o Globo-RN.

Canal - SportBuzz

Sob o seu comando, o Internacional soma somente três vitórias, e aproveitamento de 44% em nove jogos disputados. Em entrevista coletiva concedida depois da partida, o treinador admitiu que nada do que foi treinado funcionou durante o jogo, e lamentou o fato de ter deixado a Copa do Brasil assim tão cedo.

"A verdade é que foi um jogo muito deficiente em todos os sentidos: atitude, parte ofensiva e defensiva. Nada que treinamos funcionou. Assumo totalmente a responsabilidade, não vou buscar culpados e desculpas. Temos que seguir trabalhando, nos fechar no vestiário e redobrar os esforços", disse Alexander Medina antes de completar.

Alexander Medina, treinador do Internacional em coletiva
Alexander Medina, treinador do Internacional em coletiva (Crédito: Transmissão/Youtube/ Colorado TV)

 

"Faz um tempo que o Inter não consegue resultados. É um grupo de trabalho novo que começou há um pouco mais de 40 dias e que está reformulando certas situações", concluiu o treinador ao explicar os motivos pelos quais acreditava que o resultado tenha sido tão negativo da forma como foi.

Quando perguntado sobre a falta de reforços contratados pela diretoria desde quando chegou ao comando do clube, principalmente dos pontas, Alexander Medina tirou a responsabilidade da direção Colorada, e admitiu que o time deveria ter conseguido passar pelo adversário utilizando somente as peças que já tem à disposição.

"Hoje teríamos que ganhar com esta equipe. Não tem ligação com os possíveis reforços que podemos buscar no mercado. A responsabilidade não é da comissão diretiva, nem do (executivo) Paulo Bracks. Nós da comissão técnica e jogadores, nós da linha de frente, somos os responsáveis", finalizou o comandante do Internacional.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!