Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » INTER DE MILÃO

Adriano Imperador relembra saída da Inter de Milão e revela que abriu mão de 7 milhões de euros

Ex-jogador diz que se arrepende da forma como deixou o clube italiano, mas não pelo dinheiro

Redação Publicado em 27/05/2021, às 12h18

Adriano Imperador relembra saída da Inter de Milão
Adriano Imperador relembra saída da Inter de Milão - GettyImages

Adriano Imperador revelou detalhes sobre sua passagem pela Inter de Milão. Em participação no programa “Resenha ESPN”, que vai ao ar nesta sexta-feira, 28, o ex-atacante afirmou que se arrepende de como deixou o clube italiano.

O jogador brasileiro renunciou a 7 milhões de euros por ano (cerca de R$ 44,9 milhões na cotação atual). No entanto, ressaltou que não se arrepende pelo dinheiro e sim pela forma como agiu para deixar a Internazionale, principalmente com Massimo Moratti, presidente do clube à época.

O ex-atacante justificou que queria retomar sua vida como era: “ser Adriano”, não ser o “Imperador”. Por isso, optou por sair da Inter.

 

“Poderia ter ficado mais tempo na Inter, poderia, sim. Mas como eu estava falando antes: eu não queria mentir para uma pessoa que me deu oportunidade de estar lá, a pessoa que me colocou na Itália (Moratti). Aí eu pensei comigo: se eu não quero mais e eu sei que o clube não me deixaria embora, eu optei por sair. Eu sei que foi uma decisão errada e até hoje eu me arrependo. Mas foi de coração! Eu queria ser o Adriano, não queria ser o Imperador. Eu ganhava 7 milhões de euros por ano. E larguei tudo isso. E não me arrependo!”, disse Adriano.

Imperador encerrou sua passagem pela Internazionale em 2009 - pertencia ao clube desde 2004 (segunda passagem). Ele retornou para o Brasil e não se apresentou novamente ao clube italiano. Dias depois, ele afirmou que não tinha mais alegria em jogar futebol e chegou a cogitar sua aposentadoria. Adriano perdeu o pai em 2006 e a realidade fora de campo o afetou nas partidas. O jogador, no entanto, alegou que sentiu a morte de seu pai, mas nunca o culpou por isso.

Moratti e Adriano fizeram uma rescisão de contrato amigável, acordo relembrado pelo jogador em entrevista recente ao “Players Tribune”. Em 2009, ele acertou com o Flamengo e liderou a equipe na conquista do Campeonato Brasileiro daquele ano.

O “Resenha ESPN” vai ao ar nesta sexta-feira, 28, às 22h (De Brasília), no canal ESPN Brasil. Adriano Imperador é o convidado de André Plihal, Djalminha, Fabio Luciano e Amoroso.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!