Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / COLETIVA!

Abel Ferreira desabafa sobre relação com a imprensa no Palmeiras

Após nova recusa em uma das respostas, Abel Ferreira fez questão de lamentar que sua postura seja vista como arrogante por parte da mídia

Redação Publicado em 12/02/2023, às 15h02

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Abel Ferreira segue tendo problemas com a imprensa - Cesar Greco / Palmeiras / Flickr
Abel Ferreira segue tendo problemas com a imprensa - Cesar Greco / Palmeiras / Flickr

Logo depois de mais uma vitória no Paulistão, o técnico Abel Ferreira concedeu nova entrevista coletiva. Mais uma vez, o comandante do Palmeiras não quis responder uma pergunta sobre o rendimento de Endrick. Porém, o treinador foi mais simpático desta vez, já que havia sido um pouco grosseiro durante a última conversa com os jornalistas.

"Pode me cumprimentar, as pessoas dizem que sou arrogante quando não quero responder, vem cá me dar um abraço. As pessoas aqui ficam ofendidas com coisas que me deixam triste perceber, não é porque eu não respondo uma pergunta que devem se ofender", iniciou Abel Ferreira.

Eu tenho direito a minha opinião como você tem direito a sua. Não são fatos, são opiniões. Me perdoe, mas não vou responder essa pergunta [sobre a fase de Endrick]", completou o técnico do Palmeiras.

Neste domingo, 12, o Palmeiras foi até Diadema para enfrentar o Água Santa pelo Campeonato Paulista. Mesmo com um primeiro tempo truncado, o Verdão conseguiu se sobressair e buscar a vitória na etapa final, por 1 a 0. Sendo assim, o time de Abel Ferreira segue invicto na tabela. Sobre o jogo, o treinador falou a respeito das mudanças no time.

Jogo truncado entre Palmeiras e Água Santa (Crédito: Cesar Greco / Palmeiras)
Jogo truncado entre Palmeiras e Água Santa (Crédito: Cesar Greco / Palmeiras / Flickr)

"Isso não significa nada, é uma vantagem e nada a mais do que isso. Nós continuamos tendo uma boa atitude competitiva, sendo onde e contra quem for, com chuva ou sol, gramado bom ou ruim, mantermos nosso comportamento e trocar jogadores dando dinâmicas à equipe", avaliou Abel.

"É muito gostoso ser treinador dessa equipe, poderíamos perder o jogo aqui, mas se mantivermos essa atitude o orgulho que tenho deles é o mesmo, somos uma equipe competitiva, mas não vamos ganhar sempre e cada jogo que passa sinto essa vontade dos adversários de nos derrotarem", concluiu.