Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Fórmula 1 / COMO ASSIM?

Hamilton vai ficar fora do primeiro treino livre do GP da França

Hamilton terá que cumprir uma regra da Fórmula 1 e por conta disso não vai estar presente nas pistas para o primeiro treino livre antes da corrida

Redação Publicado em 20/07/2022, às 11h25

Hamilton, piloto de Fórmula 1 - GettyImages
Hamilton, piloto de Fórmula 1 - GettyImages

Hamilton não vai estar presente nas pistas para o primeiro treino livre do GP da França, que acontece nesta sexta-feira, 22. Acontece que o piloto britânico vai ser substituído pelo reserva da Mercedes, o holandês Nyck De Vries, já que precisa cumprir uma regra da Fórmula 1 que obriga as equipes a darem espaço para os jovens em duas sessões de treinos da temporada.

"Nyck está substituindo Lewis nos primeiros treinos deste fim de semana, como parte das sessões atribuídas para jovens pilotos este ano. Então, estamos ansiosos para ver como ele se sai", explicou Toto Wolff, chefe da Mercedes e que sabe que De Vries é o atual campeão da Fórmula E, figurando na oitava colocação da atual temporada da categoria até o momento.

Canal - SportBuzz

Vale destacar que o holandês já treinou pela equipe da Mercedes ocupando a vaga destinada para os jovens pilotos em 2020 e 2021 no GP de Abu Dhabi. Já neste ano, o piloto substituiu Alex Albon, da Williams, durante o treino livre para o GP da Espanha. Assim, Hamilton vai voltar ao posto de titular a partir do segundo treino livre do GP da França.

Buscando seu quarto pódio seguido, o heptacampeão mundial ainda ocupa a sexta posição na classificação da temporada, mas segue se aproximando do companheiro de equipe George Russell e de Carlos Sainz, da Ferrari. Para que essa distância fique cada vez menor, Toto Wolff prevê fazer novos avanços no carro da Mercedes para a corrida da França.

Hamilton, piloto de Fórmula 1 com o braço levantado
Hamilton, piloto de Fórmula 1 com o braço levantado (Crédito: GettyImages)

"Estou satisfeito com o impulso que estamos construindo e reflete o esforço gigantesco da equipe. Nossa compreensão do W13 está crescendo a cada volta, e é encorajador ver isso refletido em nosso desenvolvimento e resultados", disse o chefe da categoria, que precisa voltar a vencer e engrenar nas corridas como estava no início da temporada.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!