Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Fórmula 1 / COMO ASSIM?

Fórmula 1: Felipe Massa diz não entender ida de Alonso à Aston Martin

Fórmula 1 terá a troca de Sebastian Vettel por Fernando Alonso no comando do carro principal da Aston Martin após o anúncio da aposentadoria do alemão

Redação Publicado em 02/08/2022, às 15h56 - Atualizado às 20h51

Fórmula 1 tem ida de Alonso à Aston Martin questionada - GettyImages
Fórmula 1 tem ida de Alonso à Aston Martin questionada - GettyImages

A temporada de 2023 da Fórmula 1 terá uma dança das cadeiras na equipe da Aston Martin por conta do anúncio da aposentadoria de Sebastian Vettel. Nesta semana, a escuderia anunciou que Fernando Alonso será o substituto do alemão na equipe, mas essa alteração não parece ter ficado muito clara na cabeça do ex-parceiro do espanhol, Felipe Massa.

Em entrevista ao canal de televisão britânico "Sky Sports", o brasileiro questionou a ida do bicampeão mundial para a Aston Martin em 2023. Massa disse que não entende a escolha do espanhol, apesar de ele ser um dos melhores pilotos na sua opinião, e que Alonso tem a tendência de dividir a equipe quando não é o centro das atenções.

Canal - SportBuzz

"Fernando é um piloto incrível, tive a chance de ser companheiro de equipe com ele por um longo tempo na Ferrari. Aprendi muito com ele. Ele é, na minha opinião, um dos melhores pilotos da Fórmula 1. Foi um pouco estranho ouvir essa decisão, assinar com a Aston Martin", disse o ex-companheiro do espanhol na Fórmula 1.

Com a aposentadoria de Sebastian Vettel ao final da temporada 2022, a equipe de Silverstone anunciou que fechou um contrato de múltiplos anos com Fernando Alonso. Porém, atualmente o espanhol é piloto da Alpine, que está em quarto lugar no Campeonato de Construtores, cinco posições à frente da Aston Martin, mas que também já encontrou um substituto.

Fórmula 1 na época em que Fernando Alonso e Felipe Massa corriam
Fórmula 1 na época em que Fernando Alonso e Felipe Massa corriam (Crédito: GettyImages)

"Acho que a Aston Martin tem muito a ganhar com Fernando lá. Não sei se Fernando tem muito a ganhar por estar lá na Aston Martin, na minha opinião. O mais importante para o Fernando é ter um carro competitivo, mostrar do que é capaz. Mas não acho que se as coisas continuarem como estão agora, Fernando lutando pela 10ª, 11ª, 12ª posição, não acho que será realmente interessante para ele", seguiu Massa.

Dessa forma, para o brasileiro, Fernando Alonso é um dos pilotos mais inteligentes e talentosos que já passaram pela Fórmula 1, tendo uma das melhores performances na classificação, além da consistência durante a corrida, mostrando uma boa capacidade de gerenciar os pneus da forma certa. Apesar disso, ele pode acabar dividindo a equipe em outra situação.

"O único problema que ele tem é dividir um time no meio. Nunca tive problemas em trabalhar ou conversar com ele, mas ele sempre conseguiu colocar tudo do seu lado e dividir o time um pouco no meio. Se ele tem um carro competitivo, ele definitivamente pode ajudar muito a equipe. Mas se ele não tiver um carro competitivo, ele pode realmente ser um problema", explicou o brasileiro.

Confusão na Alpine?

A história de que a Alpine já tinha definido um substituto para o cargo acabou se embolando algumas horas depois do anúncio da equipe, assim que Piastri se pronunciou em suas redes sociais. O piloto, que não havia se manifestado desde a notícia da equipe, surpreendeu a todos dizendo que não houve nenhuma assinatura por sua parte para correr como o principal em 2023.

"Sem o meu acordo, a Alpine F1 divulgou um comunicado à imprensa no final da tarde de que eu irei pilotar para eles em 2023. Isso está errado e eu não assinei contrato com a Alpine para 2023. Não vou pilotar pela Alpine no próximo ano", esclareceu o piloto, que agora pode ter que lidar com uma confusão nos bastidores.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!