Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Fórmula 1 / EITA!

F1: Haas toma decisão de processar Gunther Steiner, seu ex-dirigente

A equipe da F1 decidiu ‘dar o troco’ após a publicação da autobiografia do engenheiro; violações de marca registrada estão entre as alegações

Redação Publicado em 13/05/2024, às 16h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gunther Steiner, ex-chefe da Haas na F1 - Getty Images
Gunther Steiner, ex-chefe da Haas na F1 - Getty Images

Gunther Steiner, ex-comandante da Haas na F1, está sendo processado pela equipe. A decisão veio pouco tempo após o italiano ter movido a sua própria ação contra a empresa por falta de pagamento de comissões. A escuderia, por sua vez, defende que o recém-lançado livro do engenheiro, “Surviving to Drive”, apresentaria supostas violações de marca registrada.

“Em 2023, sem permissão ou consentimento da Haas Automation, Steiner criou, comercializou, promoveu, vendeu, distribuiu e lucrou com uma publicação intitulada ‘Surviving to Drive’, que usou ilegalmente e exibiu, e continua a usar e exibir, as marcas registradas da Haas Automation e a imagem comercial da Haas Automation para ganho financeiro pessoal e lucro ilícito de Steiner”, destacou a equipe em documentos judiciais.

“A Haas Automation nunca consentiu com o uso por parte de Steiner das marcas registradas da Haas Automation ou da imagem comercial da Haas Automation no livro”. A companhia ainda revelou que Gunther foi avisado em relação às ‘irregularidades’, mas que sua resposta não agradou a Haas, o que acabou levando à ação.