Sportbuzz
Testeira
Esporte na TV / EITA!

Comentarista analisa partida entre Palmeiras e Atlético-MG pela Libertadores e dispara: "Foi uma ofensa ao futebol"

Jornalista não gostou nada do nível de jogo entregue por Palmeiras e Atlético-MG na Libertadores

Redação Publicado em 22/09/2021, às 11h56

Mauro Cezar avaliando a partida entre Palmeiras e Atlético-MG pela Libertadores - Transmissão Youtube/Canal Mauro Cezar
Mauro Cezar avaliando a partida entre Palmeiras e Atlético-MG pela Libertadores - Transmissão Youtube/Canal Mauro Cezar

A primeira partida da semifinal da Libertadores, entre Palmeiras e Atlético-MG foi alvo de críticas do comentarista Mauro Cezar. Em seu blog no portal "UOL", ele analisou o jogo, e intitulou seu texto como "Palmeiras 0 x 0 Atlético, semifinal foi uma ofensa ao futebol".

Mauro Cezar não engoliu as tentativas de justificar o desempenho questionável das equipes pela expectativa de ser um jogo decisivo, e criticou o "medo de perder" dos times.

"Ninguém entregou nada. Mesmo. Um jogo sem finalização no alvo, exceto uma do Palmeiras que para estatística entra como tal, mas na prática não levou perigo algum. Um mandante que só queria não perder, frente a um visitante que tinha a bola e se contentou por não levar gol", iniciou.

"Nenhum dos dois treinadores parecia insatisfeito após a peleja. Ambos alcançaram o objetivo em comum: não perder. Jogos assim agridem o futebol, pelo pífio aproveitando dos bons jogadores reunidos na cancha e pelo tamanho das camisas envolvidas", completou.

Ainda no texto, o jornalista classificou a partida como uma "pelada injustificável".

"Os treinadores têm o direito de gostar daquilo. Estão tentando valorizar um trabalho fraco. É conveniente. E quem diz ter alguma paixão pelo futebol, mas procura justificar uma pelada tão injustificável, age de forma covarde como foram as estratégias das equipes", completou.

O jogo

Na noite desta terça-feira, 21, Palmeiras e Atlético-MG se enfrentaram na partida de ida da semifinal da Libertadores. De olho na vaga para a grande decisão, as equipes buscavam a vitória para iniciar bem o confronto decisivo.

Porém, o triunfo não foi para nenhum dos lados. Com muita disputa entre os jogadores e com pênalti perdido por Hulk, Palmeiras e Atlético-MG ficaram no zero a zero e vão decidir a vaga para a final apenas no jogo de volta da Libertadores.

Primeiro tempo

No primeiro tempo, o Atlético-MG começou a partida com mais posse de bola, mas sem chegar com perigo à meta rival. Logo nos minutos iniciais, Felipe Melo e Hulk discutiram e deram o tom do clima quente no confronto.

Aos 13 minutos, o Galo chegou pela primeira vez. Após sobra na entrada da área, Guilherme Arana finalizou e mandou para fora. Boa chance! Mesmo jogando em casa, o Palmeiras pouco ameaçou a meta atleticana.

Assim, o Palmeiras conseguiu chegar apenas na bola parada. Aos 29 minutos, Gustavo Gómez subiu mais alto que todo mundo e mandou perto do travessão. Apesar do domínio na posse de bola, o Galo demorou para assustar o rival.

No entanto, o momento chegou. Aos 41 minutos, Jair recebeu passe na ponta direita e cruzou para a área. Na jogada, Diego Costa antecipou Gustavo Gómez e foi derrubado dentro da área. Pênalti para o Atlético-MG! Na cobrança, Hulk encheu o pé e mandou na trave. 0 a 0. Intervalo!

Segundo tempo

Já no segundo tempo, o Palmeiras continuou com muitas dificuldades para criar chances de perigo contra o rival. Assim, o time mineiro seguiu no campo de ataque e passou a ter boas oportunidades para abrir o placar.

Aos três minutos, Hulk arriscou de fora da área e mandou perto do travessão. Na sequência da jogada, o atacante tentou novamente, mas não teve o domínio da bola. Melhor na partida, o Atlético-MG teve que lidar com a perda de Diego Costa, que saiu com dores na coxa.

Apesar da vontade dos jogadores, a partida manteve ritmo muito lento. Sem chances claras de gol, Palmeiras e Atlético-MG demonstravam certo receio de se expor e perder a oportunidade de garantir vaga na final.

Na reta final da partida, o duelo manteve o mesmo cenário. Aos 35 minutos, Hulk finalizou forte e mandou pela linha de fundo. Sem nenhuma inspiração, as equipes mantiveram o placar zerado na primeira partida da semifinal da Libertadores. 0 a 0. Fim de papo!


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!