Sportbuzz
Testeira
Esporte na TV / CRITICOU!

Casagrande não perdoa e critica Maurício Souza: "Homofóbico, preconceituoso, covarde e mau-caráter!"

Maurício Souza se envolveu em polêmicas após ter posicionamentos contrários à cominidade LGBTQIA+

Redação Publicado em 27/10/2021, às 14h27

Casagrande não poupa críticas a Maurício Souza - Transmissão / SporTV
Casagrande não poupa críticas a Maurício Souza - Transmissão / SporTV

Nos últimos dias, Maurício Souza, jogador de vôlei do Minas e da Seleção Brasileira, se envolveu em polêmicas após ter se posicionado contra a comunidade LGBTQIA+. Tudo começou em um post feito após a DC anunciar que o filho do Super-Homem será bissexual nas próximas edições.

Divulgando e criticando a informação, o central foi até seu Instagram e criticou: "'A é só um desenho, não é nada demais'. Vai nessa que vai ver onde vamos parar".

Em sua conta oficial, Douglas Souza se utilizou da mesma imagem para se posicionar de forma contrária ao colega de seleção.

"Engraçado que eu não 'virei heterossexual' vendo os super-heróis homens beijando mulheres… Se uma imagem como essa te preocupa, sinto muito mas eu tenho uma novidade pra sua heterossexualidade frágil. Vai ter beijo sim. Obrigado DC por pensar em representar todos nós e não só uma parte", publicou.

O posicionamento de Maurício acarretou em seu afastamento de seu atual clube, e também gerou críticas fortes de Walter Casagrande.

"É crime, é covardia e é mau-caratismo. Principalmente e especificamente o Maurício Souza, e eu estou falando com propriedade porque ele foi mau-caráter comigo. Esse cara é mau-caráter e eu vou explicar o porquê", começou o ex-jogador e agora comentarista.

Casagrande começou a história contando que, em 2018, ele mesmo começou a se posicionar contra o atual presidente, Jair Bolsonaro, após ele ter feito uma homenagem ao Coronel Ustra, da época da ditadura.

"Em determinado momento eu fui dar uma entrevista em uma rádio e aí o senhor presidente Jair Bolsonaro, que também é covarde e mentiroso, fez um recorte da minha entrevista que poderia mostrar para as pessoas que eu era satanista. Da mesma forma que eu falei de Lúcifer eu falei de Jesus Cristo, mas ele cortou a parte de Jesus Cristo e deixou só eu falando de Lúcifer. Ele mostrou esse vídeo e ele, do lado do vídeo, falando: 'olha o cara que vocês ouvem falar na televisão de quarta-feira à noite e de domigo à tarde. É um satanista'", falou.

"Passou o tempo, esse cara, Maurício Souza, há uns três ou quatro meses atrás, ele recuperou esse vídeo e postou nas redes sociais dele. Ele colocou esse vídeo editado e mentiroso, falso, que o Jair Bolsonaro editou em 2018, ele colocou agora, em 2021, nas redes sociais dele", contou.

Casagrande ainda falou que as pessoas que fazem parte do grupo "Esporte Pela Democracia", criado por ele mesmo, foram combater a Fake News e postaram o vídeo certo para que as pessoas vissem o contexto da história. 

O comentarista ainda continuou, falando que não se surpreende com as ações e posicionamento de Maurício Souza.

"Eu não me surpreendo nada, porque esse cara é homofóbico assumido e clássico. É um cara que foi mau-caráter comigo. Então é aquela história: 'você entra em uma sala, tem seis nazistas sentados e você senta, passam a ser sete nazistas'. Se você defende um homofóbico, que teve uma fala homofóbica, você é homofóbico", continuou.

"Para finalizar, primeiro, parabéns a todos os atletas, principalmente as meninas, que se posicionaram forte. O Douglas, que está na Itália e se posicionou. Esse cara, Maurício Souza, é um homofóbico, preconceituoso e, possivelmente racista, covarde e mau-caráter", finalizou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!