Sportbuzz
Testeira
Esporte na TV / EITA!

Após Gabigol ser suspenso, André Rizek detona decisão do STJD: "Apenas confirma, o futebol brasileiro é uma várzea"

Gabigol foi julgado pelo STJD por ter chamado o futebol brasileiro de várzea, e a decisão do tribunal não agradou em nada André Rizek

Redação Publicado em 17/09/2021, às 14h27

André Rizek detona decisão do STJD por suspensão aplicada a Gabigol - Transmissão SporTV
André Rizek detona decisão do STJD por suspensão aplicada a Gabigol - Transmissão SporTV

Nesta sexta-feira, 17, o STJD julgou Gabigol por dizer, quando foi expulso na partida contra o Internacional, que "o futebol brasileiro é uma várzea". A decisão dos juízes, que deixa o jogador fora de dois jogos, foi duramente criticada pelo apresentador André Rizek.

Através das redes sociais, André Rizek disse que a punição dada pelo STJD só comprova a fala do atacante do Flamengo.

"Coisa mais ridícula punir o Gabriel por dizer que o futebol brasileiro é uma várzea. Decisão patética, autoritária e que apenas confirma: o futebol brasileiro é uma várzea!", escreveu o apresentador.

Depois disso, o comentarista Arnaldo Ribeiro, ex-Globo e ESPN, também concordou com a posição de André Rizek nas redes sociais, respondendo o apresentador nas redes sociais.

Como já ficou fora do jogo contra o Sport, em Recife, Gabigol já cumpriu uma das partidas da pena. No entanto, o Flamengo pretende utilizar o efeito suspensivo e recorrer da decisão, buscando a reversão do veredito.

Poderia ter pegado seis jogos de suspensão

Na quinta-feira passada, 9, Gabigol foi denunciado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e poderia pegar até seis jogos de suspensão. A denúncia se deu pelo fato de o atacante ter chamado o futebol brasileiro de várzea, durante a derrota do Flamengo, por 4 a 0, para o Internacional, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, no dia 8 de agosto.

Gabigol foi expulso de campo aos 17 minutos do segundo tempo, quando recebeu o cartão vermelho por reclamação, minutos depois de ter sido advertido com o primeiro amarelo. Ao sair de campo, revoltado, o jogador fez críticas ao futebol brasileiro, que logo foram repassadas ao árbitro, que anotou na súmula da partida.

"Isso é uma piada! Por isso que o futebol brasileiro é essa várzea!", disse o jogador revoltado.

Na oportunidade, a procuradoria do STJD afirmou que o jogador feriu o artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que diz:

"Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva; desrespeitar os membros da equipe de arbitragem ou reclamar desrespeitosamente contra suas decisões".

Segundo o código, a pena seria de um a seis jogos de suspensão. Gabriel já cumpriu a punição de um jogo de suspensão por ter recebido o cartão vermelho na partida.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!