Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Coronavírus » COMPLICADO

Laboratório erra 26 resultados de coronavírus de jogadores do Bragantino antes da partida contra o Corinthians; entenda!

Atletas foram diagnosticados com a doença, ficaram afastados quando na realidade estavam bem

Izabella Macedo Publicado em 01/08/2020, às 12h07

Hospital erra 26 resultados de coronavírus de jogadores do Bragantino antes da partida contra o Corinthians
Hospital erra 26 resultados de coronavírus de jogadores do Bragantino antes da partida contra o Corinthians - Divulgação/Red Bull Bragantino

De acordo com informações do site O Globo, o laboratório Albert Einstein errou ao diagnosticar como positivo para o novo coronavírus 26 jogadores do Red Bull Bragantino antes da partida contra o Corinthians, pelo Campeonato Paulista, na última quarta-feira, 29.

Quando souberam que estavam contaminados, os atletas foram afastados e deixaram de participar dos treinos com o restante do elenco.

No entanto, um teste de contraprova, feito horas antes do jogo testou negativo e assim, os jogadores que supostamente estavam com a doença puderam entrar em campo.

Ao site, o laboratório disse que houve divergências nos testes do Red Bull Bragantino por conta do tipo de reagente que foi utilizado no momento em que foram descobrir os resultados oficiais.

O problema agora é que o Albert Einstein é o laboratório responsável pelos exames de coronavírus para o Campeonato Brasileiro da Série A e para o Paulistão e esse erro gerou uma discussão no Conselho Técnico da Federação Paulista e o problema foi comunicado pelo Red Bull à CBF.

O clube vem fazendo testes para coronavírus duas vezes por semana, do tipo RT-PCR, que são considerados os mais confiáveis.

Além dos jogadores, são feitos exames em membros da comissão técnica, estafe que trabalha no Centro de Treinamento e em jogos no estádio do time. Eram cerca de 70 testes feitos no Einstein por rodada.

O clube divulgou, por meio das suas redes sociais, uma nota oficial em que explica o desenrolar do caso.

Antes da partida contra o Corinthians, foi feita uma nova rodada de exames. No entanto, ao contrário das vezes anteriores, houve em torno de um terço dos testes que deram positivos, em um total de 26. 

Desses positivos, 13 foram de atletas e membros de comissão técnicas. Um total de sete titulares que atuariam diante do Corinthians teve análise com positivo para Covid-19. Outras 13 pessoas eram de pessoal do estafe de estádios e do CT.

Por conta disso, o Red Bull estranhou esses resultados já que vinha testando seus funcionários constantemente e aí, o clube decidiu refazer os testes, levou todas as pessoas para novos exames em laboratórios diferentes e aí sim, os testes deram negativos.

Com os novos resultados em mãos, o clube voltou ao Eistein no dia do jogo para refazer os testes. O laboratório fez os exames e constatou que as 26 pessoas, na realidade, tinham exames negativos.

Com isso, os sete titulares foram liberados para jogar às 17 horas do dia do jogo diante do Corinthians, que ocorreu a partir das 19 horas. 


5 itens do seu time do coração que você não pode ficar sem

1- Camisa Adidas São Paulo 2018 - https://amzn.to/31uv12K

2- Livro Maquete 3D Estádio Vila Belmiro - https://amzn.to/2IZ3AaY

3- Mochila Corinthians - https://amzn.to/2psy3ax

4- Caneca com Abridor,  Flamengo - https://amzn.to/31uUJnQ

5- Fone de Ouvido Cruzeiro - https://amzn.to/33GhR4d

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!