Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Coronavírus » e-SPORTS

e-Sports: Campeonatos sofrem adiamentos por conta da pandemia de coronavírus

Organizações estudam formas de movimentar o calendário de jogos eletrônicos no Brasil

Gabriela Santos Publicado em 31/03/2020, às 11h14

Campeonatos sofrem adiamentos por conta da pandemia de coronavírus
Campeonatos sofrem adiamentos por conta da pandemia de coronavírus - GettyImages

Os campeonatos de jogos eletrônicos também foram afetados pela pandemia de coronavírus. Apesar de ser virtual, as competições de e-Sports são realizadas presencialmente. No cenário nacional, o Major de Counter Strike Global Offensive (CSGO), que seria realizado no Rio de Janeiro, foi adiado. Em Sergipe, não é diferente.

Jessica Lilian, representante da Federação Sergipana de Esportes Eletrônicos (FESEEE), vê normalização das competições só no segundo semestre.

“Tinha alguns campeonatos em andamento para serem firmados aqui em Sergipe, eu acredito que a partir do segundo semestre já vai estar tudo normalizado, com algumas atividades presenciais que a gente estava negociação com algumas empresas para serem realizadas por aqui. Aqui no Brasil o CBLoL também continua parado. Tá tendo um estudo para ver se volta com as atividades online, então muita coisa acabou parando com o coronavírus”, disse em entrevista ao Globo Esporte.

Para ser realizada, a transmissão de uma partida de e-Sports conta com todos os aparatos de um jogo de futebol: equipe com narrador, comentarista, técnicos de câmera e demais equipamentos. E tudo isso causa uma aglomeração, o que não é recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Diante disso, a Confederação Brasileira de Esportes Eletrônicos estuda utilizar a maior ferramenta que tem: a internet.

“Como as ligas acontecem presencialmente nos estúdios das organizações dos campeonatos. Tem uma equipe de filmagem, de equipamento, assim como é na televisão. Quando faz online, as equipes, os jogadores competem nos seus escritórios, na GameHouse, então elas não precisam se deslocar para fazer as gravações. É uma forma de dar andamento ao Campeonato, porque como o jogo é online, cada jogador tem o jogo instalado no computador você consegue dar andamento a competição, mas tem o problema da transmissão, envolve uma equipe por trás, assim como na televisão, então ainda se estuda essa questão aqui no Brasil”, completou.

Mesmo com o adiamento de alguns eventos em Sergipe, algumas atividades devem ser desenvolvidas neste ano. A Federação local pode aderir ao modo online também.

“A gente tem a previsão dos jogos escolares ainda, outro com uma universidade daqui e outras competições que estamos estudando”, concluiu.

“No momento estamos no escuro, com relação a trabalhamos de forma presencial, mas estamos desenvolvendo e adaptando os projetos para aplicar todo online em um movimento para manter todos em casa”, finalizou Danilo Tavares, presidente da FESEEE também ao Globo Esporte.


5 itens que todo gamer vai desejar ter

1- Fortrek OM-801 Mouse Gamer USB - https://amzn.to/2Wfo84n

2- Cartão League of Legends R$ 100 Reais - https://amzn.to/31KJVCd

3- Headset Gamer HyperX Cloud Silver - HX-HSCL-SR - https://amzn.to/2WaDGq9

4- FIFA 20 - Edição Padrão - PlayStation 4 - https://amzn.to/31M4CO2

5- Cadeira Gamer Dazz Prime - Windows - https://amzn.to/2N6c1m6

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!