Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Copa do Mundo / "A PALAVRA DELE VALE MAIS"

Argentina: Scaloni comenta discurso de Messi e dimensão para seleção

Técnico da Argentina, Lionel Scaloni, falou em entrevista sobre a importância de Messi para a seleção e comentou discurso antes de título no Brasil

Redação Publicado em 03/11/2022, às 18h51

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Scaloni comenta sobre Messi - Getty Images
Scaloni comenta sobre Messi - Getty Images

Faltando apenas 17 dias para a Copa do Mundo, o técnico da Argentina, Lionel Scaloni, concedeu entrevista para o portal de seu país, TyC Sports, e falou sobre Messi. O comandante comentou o discurso divulgado no trailer do documentário do camisa 10 e falou sobre sua maturação, além da importância do jogador no elenco.

Eu o conheço há muito tempo e, com o passar dos anos, todos ganham experiência. Você está envelhecendo e aprendendo coisas, você não é a mesma pessoa aos 20 e aos 35. Ele foi ganhando protagonismo dentro das equipes e cada vez mais destaque, não só por ser o melhor, mas em grupo”, afirmou Scaloni.

Sobre o discurso, o treinador comentou sobre a importância da palavra de Messi. O momento referido é à uma preleção antes da final da Copa América de 2021, vencida pela Argentina, contra o Brasil no Maracanã. Até então o "ET", como é chamado, não tinha nenhum título por sua seleção principal e demonstrou toda a vontade que tinha para conquistar.

A palavra dele vale muito mais do que qualquer outra, ele sempre tem a palavra certa. Quando ele fala, todos o ouvem. Transmite outra coisa, é a realidade. As palavras são desnecessárias quando ele termina de falar, há momentos em que é melhor não falar. Não me surpreende, porque dá para perceber que ele sente, que seus companheiros também sentem e isso é bom”, finalizou o técnico da seleção.

Argentina foi campeã da Copa América de 2021
Argentina foi campeã da Copa América de 2021 /C'reditos: Getty Images

Além disso, Scaloni também comentou que o principal jogador da equipe estará pronto para jogar cerca de dois ou três dias antes do último amistoso de preparação, contra o Emirados Árabes. Também afirmou que a ausência de Lo Celso não é sentida numericamente, já que tem outros, mas será em termos de qualidade.