Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Testeira
Colunistas / Bel Mota / BEL E AS FERAS

Paula Pequeno revela ao Bel e as Feras como lida com os altos e baixos

Paula Pequeno já esteve no topo do mundo do esporte com o vôlei, mas a atleta sempre teve que lidar com os altos e baixos da carreira, incluindo o momento em que se descobriu mãe

Redação Publicado em 29/05/2022, às 08h00

Paula Pequeno e Bel Mota - Reprodução/Instagram/Divulgação/Bel e as Feras
Paula Pequeno e Bel Mota - Reprodução/Instagram/Divulgação/Bel e as Feras

Paula Pequeno esteve literalmente no topo do mundo durante a sua carreira, sendo vista por milhares e até mesmo milhões de pessoas com suas atuações pelo vôlei, principalmente na Seleção Brasileira. Porém, esse caminho de sucesso também contou com momentos frustrantes e que a atleta não sabia muito bem o que fazer na hora.

Em entrevista ao Bel e as Feras, para a jornalista Bel Mota, Paula Pequeno falou sobre diversos assuntos da vida, como carreira, vida pessoal e até mesmo curiosidades sobre a convivência com as atletas da seleção. No entanto, para conquistar tudo aquilo que possui hoje e o que quer no futuro, ele revelou que não se deixa ficar lamentando, e que sempre busca a solução.

Canal - SportBuzz

"Eu sempre busco a solução. Eu não me dou muito o direito de ficar me lamentando. Eu tive uma infância com uma mãe muito dura, muito rígida, generalzão, depois saí de casa muito cedo, por isso que eu também te digo que o esporte nos dá de presente porque ensina a gente a encarar as dificuldades com um pouco mais de naturalidade", iniciou.

"Em todos os momentos de dificuldade, mesmo que eu tenha esmaecido, mesmo que eu tenha chorado ou ficado triste, eu nunca me dei muito tempo de lamentar, eu sempre pensei muito na solução, então foi através disso que eu consegui enfrentar cada etapa da minha vida", revelou a ex-jogadora bicampeã olímpica.

Paula Pequeno com a sua filha Mel
Paula Pequeno com a sua filha Mel (Crédito: Reprodução/Instagram)

Paula como mãe

Um dos momentos da vida em que teve que parar e pensar em cada um de seus passos foi quando a pequena Mel nasceu. Para se ter uma ideia, quatro meses depois de dar à luz, Paula Pequeno já tinha um compromisso marcado no Mundial de vôlei. Estando no auge da sua carreira, ela deixou a bebê com o marido, o ex-jogador de handebol Alexandre Folhas.

Entre o anúncio da convocação e a viagem para o Japão, Paula precisou se concentrar nos treinos para conseguir recuperar sua forma física poucos meses depois de ter sua primeira filha. Além disso, ela ainda teve que se entrosar com o time, e o desafio mais difícil que encontrou até aqui: conviver com a saudade de ter que ficar longe da pequena Mel.

Hoje, a filha da ex-jogadora segue os passos da mãe no esporte, e no ano passado, com apenas 15 anos e com 1.81m de altura, Mel Folhas conseguiu entrar para o time infantil de vôlei do Flamengo. Ela passou por uma peneira de classificação no clube e teve o total apoio da mãe, que além de estar presente fisicamente, também registrou o momento.

Para saber mais sobre as curiosidades contadas por Paulo Pequeno, acesse o episódio completo do podcast Bel e as Feras nas plataformas de áudio (clique aqui) e também fique ligados nas redes sociais, já que por lá você também tem acesso aos demais conteúdos da entrevista e publicação dos novos episódios.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!