Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Basquete / EITA!

Warriors: Curry abre o jogo sobre lesão contra Celtics

Curry preocupa os Warriors para o jogo 4 da final da NBA; craque se envolveu num lance com Al Horford, dos Celtics, e ficou com fortes dores no pé

Redação Publicado em 09/06/2022, às 09h59 - Atualizado em 12/06/2022, às 11h20

Curry e Warriors não tiveram sorte no confronto diante do Boston Celtics - GettyImages
Curry e Warriors não tiveram sorte no confronto diante do Boston Celtics - GettyImages

Curry preocupa os Warriorspara o jogo 4 diante dos Celtics. O jogador se envolveu num lance com Al Horford e quase deixou a quadra no final do último período. O craque fez um esforço para ficar na partida até o último minuto, mas demonstrou muitas dores no pé. As expressões do atleta preocuparam a torcida do Golden State e ele falou sobre o machucado na entrevista coletiva. 

De acordo com Stephen Curry, as dores são fortes e ainda não é possível saber qual é a gravidade da lesão. O craque dos Warriors não quer nem pensar que o machucado possa o deixar de fora dos últimos jogos das finais contra os Celtics. Inclusive, o atleta avisou que não deve perder o próximo confronto, que será a partida 4 da decisão da NBA. 

CANAL - SPORTBUZZ

Obviamente, estou sentindo fortes dores por conta da lesão no pé, mas vou ficar bem. Vamos ver como vai responder, mas não tenho muito a dizer. Não sinto que eu vá perder o próximo jogo. Preciso utilizar as próximas 48 horas para ficar pronto”, garantiu. 

O astro do Golden State continuou a sua explicação sobre o machucado na partida da última quarta-feira, 8, e detalhou o motivo por ter continuado em quadra. Segundo Curry, ele fez o que era necessário para ajudar a sua equipe, mesmo que ela tenha saída derrotada pelo placar de 116 a 100. O craque também voltou a afirmar que deve ficar à disposição para o confronto de sexta-feira, 10, às 22h (horário de Brasília). 

Golden State reage, mas perde
Curry anota 31 pontos, mas Golden State Warriors perde para Boston Celtics no Jogo 3 - Créditos: Getty Images

"Horford é um cara muito grande, obviamente. Eu ainda não vi a jogada, então não sei se poderia evitar ou não. Eu tive uma situação assim com Marcus (Smart), mas tudo o que eu queria era tirar o meu pé dali. Era tudo o que eu tentava fazer naquele momento, sabendo a posição que eu estava. Como eu disse, sinto que não é tão ruim, mas espero ficar bem nos próximos dois dias”, finalizou. 

Thompson, sobre Curry: “Temos que ajudá-lo na segunda-feira”

Klay Thompson não poupou palavras para destacar a atuação de Stephen Curry no Jogo 4 das Finais da NBA. O astro do Golden State Warriors comandou a equipe com uma grande atuação, ao anotar 43 pontos e 10 rebotes, na vitória por 107 a 97 sobre o Boston Celtics, no TD Garden.

Após o duelo que contou com a ótima exibição do camisa 30, Thompson classificou a partida de seu companheiro como a maior da carreira. Com a vitória na casa do adversário, os Warriors igualaram a série das Finais da NBA por 2 a 2 e forçaram, no mínimo, a disputa do Jogo 6.

“O coração daquele homem é incrível. As coisas que ele faz, nós meio que damos por certo às vezes, ir lá e nos colocar nas costas dele. Temos que ajudá-lo na segunda-feira”, disse Klay Thompson em entrevista com os jornalistas após a vitória. Curry fez apenas quatro pontos a menos que sua maior pontuação em uma final da NBA.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!