Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Basquete » ESPECIAL NBA

Será que vem de novo? Relembre a maior virada da história da NBA!

Em 2016, O Cleveland, comandados por Lebron James e Kyrie Irving, fez um virada épica para cima do embalado Golden State Warriors

Marcello Sapio Publicado em 09/10/2020, às 18h16

Cleveland Cavaliers fez história ao reverter um placar de 3 a 1 na série das finais de 2016
Cleveland Cavaliers fez história ao reverter um placar de 3 a 1 na série das finais de 2016 - Getty Images

Na noite desta sexta-feira, 9, terá o jogo 5 das finais da NBA entre Los Angeles Lakers e Miami Heat, no complexo da Disney.

A franquia de Lebron James, Caruso e Davis precisa de mais uma vitória para garantir o 17º em sua história, igualando o Boston como o maior campeão.

Do outro lado, o Miami Heat, de Adebayo e Butler, tentam repetir o - quase - impossível: Virar uma sequência de 3 a 1 e levar o troféu para a franquia do Leste estadunidense.

Esse feito só aconteceu apenas uma vez na história: Em 2016, na final entre Cleveland Cavaliers e Golden State Warriors.

Pensando nisso, o SportBuzz decidiu relembrar esse momento épico.

A GRANDE VIRADA: CLEVELAND CAVALIERS E GOLDEN STATE WARRIORS EM 2016

COINCIDÊNCIAS

Para começar, vamos listar uma coinscidência da final deste ano com a de 2016: Os jogadores que estavam em quadra nas duas ocasiões.

O primeiro, até meio óbvio, é o astro Lebron James. O líder dos Lakers foi um dos responsáveis pela virada histórica dos Cavs, tendo uma posição forte tanto dentro quanto fora das quadras.

O segundo também estava nos Cavs e hoje atua pelos Lakers: J.R Smith. Apesar de ser um jogador um folclórico, teve a importante função de armar o time rumo à virada.

Por último, o único jogador do Golden Sate Warrios, e que está presente nesta decisão de 2020, é André Iguodala. O astro, que tem uma certa rivalidade com Lebron, protagonizou grandes duelos pessoais e pode ser um dos trunfos do Heat para a virada.

GOLDEN STATE WARRIORS

O time de San Francisco vinha em uma fase espetacular, com um super time. Liderados pelo "brinquedo assassino" Stephen Curry, tinham outros destaques como Klat Thompson e André Iguodala.

CLEVELAND CAVALIERS

Os cavaleiros não ficavam para trás. Um time estrelado com Lebron James, J.R Smith, Kyrie Irving e Kevin Love tinham o grande desafio de bater o embalado - e favorito - adversário.

 

Lebron James parte para o ataque enquanto Iguodala tenta impedir a cesta (Getty Images)

 

OS PRIMEIROS JOGOS

As primeiras partidas mostraram que o favoritismo do GSW não era apenas fora das quadras. Nos dois primeiros jogos, duas vitórias convincentes, por 104 a 89 e 110 a 77, respectivamente.

No jogo 3, o Cleveland começou a mostrar certo poder de reação, vencendo por 120 a 90, colocando a série em 2 a 1. Mas a alegria durou pouco ao perder logo no jogo seguinte, se vendo obrigado a vencer todas as partidas seguintes para poder conquistar o título. Algo que nunca havia acontecido na história.

A VIRADA E A SUPERAÇÃO DOS CAVS

A partir daí, quase que a totalidade da mídia e dos torcedores davam como certo o triunfo do Golden State.

Mas entra um importante fator na história: Lebron James. Relatos que foram revelados após a conquista, por diversos jogadores, que o "papai" fez questão de chamar todos os companheiros e porvar que era possível uma virada.

E isso não se reestringiu apenas aos companheiros de Cavs. Klay Thompson revelou que recebeu uma mensagem do oponente, dizendo que eram para entrar em quadra como se ainda não tivessem ganhado.

Realmente funcionou. Nos dois jogos seguintes, os cavaleiros mostraram realmente um poder de superação vencendo por 112 a 97 e 115 a 101, respectivamente, empatando a serie em 3 a 3 e tendo a decisão no famoso jogo 7.

Inclusive, Lebron James chegou a fazer, no jogo 5, 41 pontos e 16 rebotes. No sexto, o jogo do empate, ele voltou a fazer a mesma pontuação.

Lebron James durante o jogo 7 (Getty Images)

 

O JOGO 7

A partida era a decisão para ver quem iria ganhar o título da NBA.

Grande parte dos fãs de basquete, que colocavam como certo a vitória do Golden State, já mudaram de lado e os Cavs eram dados como favoritos, pelo momento e por Lebron James, principalmente.

O primeiro quarto acabou com a vantagem mínima para a franquia de San Francisco, que acabou aumentando no segundo tempo.

No segundo período, o jogo mudou de lado. Os Cavs acordaram, liderados por Kyrie Irving e Lebron James, principalmente, eles conseguiram diminuir a vantagem, deixando o jogo - e o título - para os últimos 12 minutos.

No último quarto, com tudo em aberto. A franquia dos Cavs conseguiram recuperar os pontos perdidos e ainda viraram a partida nos minutos finais, levando toda a cidade ao delírio.

Lebron, eleito o MVP (Most Value Player - o melhor jogador) das finais, conseguiu anotar um triplo-duplo, com 27 pontos, 11 assistências e 11 rebotes.

Mas e aí? Será que o Heat consegue repetir o feito dos Cavs em 2016? 


5 itens de basquete para os amantes do esporte

 

1- Bola de Basquete Nike Dominate 8P Tamanho 7 - https://amzn.to/2JmU6Xs

2- Mini Tabela de Basquete NBA Los Angeles Lakers - https://amzn.to/2qG4UJr

3- Tênis Nike Air Zoom Generation Kings Rook Lebron James QS - https://amzn.to/2MJsAFo

4- Bolsa Fitness Fred Hard Basquete - https://amzn.to/36fzc6m

5- Testeira NBA Headband Nike - https://amzn.to/2BUvmSh

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!