Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Basquete » ACIDENTE!

Saiba quem são as outras sete vítimas do voo de Kobe Bryant

Ao todo, nove pessoas morreram após a queda da aeronave

Pedro Ungheria Publicado em 27/01/2020, às 09h43

Kobe Bryant faleceu aos 41 anos após um acidente de helicóptero
Kobe Bryant faleceu aos 41 anos após um acidente de helicóptero - GettyImages

No último domingo, 26, uma trágica notícia tornou o dia dos amantes do esporte mais triste do que o comum. O astro da NBA Kobe Bryant faleceu após a queda de um helicóptero que levava o jogador e mais oito pessoas para a academia do jogador, Mamba Sports.

Além dele, sua filha, Gianna de 13 anos, também não resistiu aos ferimentos. De acordo com as autoridades locais, as outras sete vítimas da tragédia só seriam divulgadas na manhã desta segunda-feira, 27.

Por meio de um comunicado oficial foram divulgadas as identidades dos demais, além de amigos da família, o voo contava com a presença de representantes do time de baisebol Orange Coast College e do de basquete Harbor Day, onde a filha de Kobe treinava.

- John Altobelli, treinador de beisebol do Orange Coast College, de 56 anos;

- Keri Altobelli, mulher de John;

- Alyssa Altobelli, filha de John e Keri. Tinha 13 anos e jogava basquete na mesma equipe de Gianna;

- Christina Mauser, treinadora de basquete na escola Harbor Day, onde Gianna estudava e assistente da Mamaba Sports;

- Payton Chester, amiga de Gianna, que também treinava na Mamba Sports;

- Sarah Chester, mãe de Payton;

- Ara Zobayan, o piloto, de 50 anos;

No mesmo comunicado, foram dados detalhes sobre o último contato do piloto com a torre de controle. A conversa aconteceu enquanto a aeronave sobrevoava a cidade de Calabasas, onde caiu, enquanto voava em condição visual especial a 450 metros.

Conforme o áudio divulgado pela "VASAviation", logo após ter seu controle repassado ao Southern California Terminal Radar, o helicóptero perdeu contato via rádio, possivelmente porque voava abaixo do normal, o que comprometeu a propagação das ondas de rádio. O controlador informou antes da queda que o N72EX estava sobrevoando abaixo do ideal para aquela área.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!