Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Basquete » ESTÁ COM SORTE?

Saiba como a loteria vai definir o Draft da NBA nesta terça-feira, 22!

NBA vai definir a ordem das escolhas dos times que não foram aos playoffs no próximo recrutamento de jogadores

Redação Publicado em 22/06/2021, às 08h53

Quadra de basquete antes da final da NBA de 2020
Quadra de basquete antes da final da NBA de 2020 - GettyImages

Quem está com sorte certamente vai levar a melhor nesta terça-feira, 22! A NBA vai realizar, a partir das 21h30 (horário de Brasília), o sorteio que vai definir a ordem das escolhas dos times que não chegaram até os playoffs no próximo recrutamento de jogadores, que acontece no dia 29 de julho.

Como vai funcionar?

O caminho para as ligas profissionais nos Estados Unidos passa pelo Draft. Nele, os principais destaques das competições universitárias são escolhidos pelas equipes seguindo uma ordem definida pelo desempenho delas na temporada anterior. 

Geralmente, o pior escolhe primeiro, e assim sucessivamente. Esse método foi a forma encontrada para gerar equilíbrio entre os times.

Para se ter uma ideia, até 1984 os piores de cada conferência da NBA disputavam o clássico cara ou coroa pela primeira escolha geral, com as demais sendo definidas a partir das campanhas de cada um dos times.

No entanto, esse sistema gerou muitas críticas, com equipes sendo acusadas de perderem jogos deliberadamente para ter melhor posição no Draft e com isso, acesso aos principais talentos.

Foi justamente neste momento que a loteria foi criada pela NBA. Com ela, os times que ficavam de fora dos playoffs passaram a ter as suas escolhas sorteadas. Assim, quanto pior a campanha, melhor as probabilidades de ficar com as seleções mais altas.

Fazendo desse jeito, as equipes que terminavam com as piores campanhas ainda tinham a chance de perder as primeiras escolhas, uma tentativa de reduzir o incentivo aos times de perderem jogos para melhorar sua posição no Draft.

As chances para 2021

Buscando diminuir a diferença das chances dos times do Top 3 em relação aos demais, em 2019 a NBA mudou de estratégia, em uma tentativa de reduzir o número de equipes optando pelo "tanking", quando uma franquia tenta perder partidas de propósito para ter a melhor escolha possível.

Para que isso acontecesse, geralmente os principais jogadores do elenco são trocados ou afastados alegando alguma lesão como desculpa, mas tudo para piorar o desempenho em quadra.

No último ano, usando o formato antigo, em 2018, o PhoenixSuns teve a pior a campanha e entrou na loteria com 25% de chances de ter a primeira escolha geral, contra 19,9% do segundo pior, o Grizzlies, e 13,8% do terceiro pior, o Mavericks.

Agora o Top 3, que nesse ano está formado por HoustonRockets, DetroitPistons e OrlandoMagic, tem as mesmas probabilidades, sendo 14% para conseguir a primeira escolha geral e 52,1% para ficar no Top 4. 

O "prêmio"

Tudo isso que falamos até aqui é feito para definir a ordem de seleção dos jogadores que vem do basquete universitário, ou de fora dos Estados Unidos. Desta vez, pelo que parece, a primeira escolha geral do Draft da NBA será CadeCunningham, armador de 19 anos que defendeu a universidade de Oklahoma State.

Além de Cade, existe um consenso entre especialistas em Draft, de acordo com o site "Globo Esporte", que JalenSuggs e EvanMobley completam o Top 3 dos principais prospectos, ficando com uma certa distância dos três para os demais jogadores.

Suggs, assim como Cade é armador, e vem da universidade de Gonzaga. Já Mobley atuou como pivô em USC na última temporada do basquete universitário.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!