Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Basquete / É UM PROCESSO!

Oscar Schmidt revela que decidiu parar tratamento contra o câncer

Oscar Schmidt luta contra um câncer no cérebro desde 2011 e agora contou que optou por parar o tratamento que estava fazendo com a quimioterapia

Redação Publicado em 06/06/2022, às 12h10

Oscar Schmidt - GettyImages
Oscar Schmidt - GettyImages

Oscar Schmidt fez uma revelação impactante em entrevista ao portal "UOL". Isso porque o astro do Flamengo e da Seleção Brasileira de basquete contou que se considera curado do câncer no cérebro, que está sendo tratado desde 2011 e que por conta disso decidiu por parar com as seções de quimioterapia que estava fazendo.

"O doutor já tinha falado há alguns anos que estava pensando em parar. Eu falei: 'Você quer me matar, doutor?'. Mas agora eu mesmo resolvi parar. A quimioterapia que eu fazia era pesada, eu ficava muito cansado. Também fiz um mês de radioterapia. Espero que eu esteja livre agora. Acho que me curei. O importante é achar que curou", contou o ex-jogador.

Canal - SportBuzz

A decisão de parar com a quimioterapia foi tomada junto com seu médico, que já havia colocado a possibilidade de fazer essa pausa no tratamento que é bastante cansativo. Apesar disso, os cuidados ainda não terminaram, já que ele ainda precisa fazer alguns exames periódicos. Apesar disso, Oscas contou que o fato de não ter medo de morrer ajuda ele e a sua família.

Carreira

Oscar Schmidt é considerado como o maior cestinha da história do basquete, com 49.703 pontos marcados de forma oficial, e que foram computados. Em sua carreira, ele já foi campeão nos Jogos Pan-Americanos de Indianápolis, em 1987, e ainda participou de cinco Jogos Olímpicos pela Seleção Brasileira titular.

Oscar Schmidt na época em que atuava
Oscar Schmidt na época em que atuava (Crédito: GettyImages)

O ex-jogador, inclusive, recusou a jogar na principal liga de basquete do mundo, a famosa NBA para poder continuar disputando as demais competições pela Seleção Brasileira. Isso porque na época, os atletas que faziam parte da liga norte-americana não eram autorizados a defender seus países. Principal nome do time, ele não pensou duas vezes antes de dizer 'não'.

Desde que decidiu deixar o esporte somente na lembrança, em 2003 com sua aposentadoria, Oscar passou a se aventurar no mundo dos palestrantes motivacionais. Em suas apresentações, o ídolo brasileiro fala sobre assuntos como o sucesso da sua carreira durante as conversas com funcionários de empresas dos mais diversos ramos.

"Primeiro a pandemia me deu uma quebrada. Se eu não tivesse uns apartamentos alugados, não sei como eu ia fazer. Vivi do aluguel mesmo. Cortei vários gastos e a gente conseguiu sobreviver bem. Só bem para frente que eu descobri um jeito de fazer palestras daqui. Inventei uma palestra online. Essa foi uma salvação. A vida mudou para melhor. Não dava para cobrar o que eu cobrava presencial, mas entrava um dinheiro para o mês. Foi assim que eu passei a pandemia", contou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!