Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
NBA/Basquete / NA HISTÓRIA

Há 30 anos, craque europeu teve camisa aposentada na NBA

New Jersey Nets aposentou a camisa de um dos melhores europeus da história da NBA, após tragédia que colocou fim em uma carreira que podia ser ainda maior

Matheus Lorente, sob supervisão de Gabriela Santos Publicado em 11/11/2023, às 10h40

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Neste dia há 30 anos craque europeu teve camisa aposentada na NBA - Getty Images
Neste dia há 30 anos craque europeu teve camisa aposentada na NBA - Getty Images

Em 11 de novembro de 1993, o New Jersey Nets aposentava a camisa de um dos melhores europeus que a NBA já viu: Drazen Petrovic, uma lenda do basquete do Velho Continente. Ele atuou pela seleção da Iugoslávia e, posteriormente, pela Croácia.

Drazen fez história atuando pelo croata KK Cibona e pelo Real Madrid, da Espanha, conquistando dois títulos de Euro Liga, além de quatro campeonatos nacionais. Ele foi considerado o Mr. Europa em duas oportunidades. Pelo basquete de seleções, foram medalhas de prata e bronze nos Jogos Olímpicos e ouro e bronze no Mundial.

O armador foi selecionado na escolha de número 60 pelo Portland Trail Blazers, em 1986, ingressando na NBA três anos mais tarde. Em sua primeira temporada dividiu a armação com o ídolo do time do Oregon, Clyde Draxler. Drazen teve um ano tímido na reserva, atuando apenas 12 minutos por partida e registrando 7,6 pontos de média.

O começo de Petrovic na liga norte-americana foi muito diferente de suas temporadas de Europa, onde teve 20,1 pontos, 3,1 rebotes e 3,1 assistências de média. Na temporada de 1990/91, os Blazers trocaram o armador para os Nets.

Getty Images
Drazen Petrovic x Nuggets

Já em sua primeira temporada em New Jersey, ele praticamente dobrou seus pontos por jogo. Drazen logo passou a ser peça fundamental para o time da Costa Leste. A equipe, que teve anos conturbados desde sua saída da ABA para NBA, parecia, finalmente, ter se encontrado.

Em sua segunda temporada, Petrovic liderou o time para um sexto lugar em sua conferência, retornando com suas médias dos tempos de basquete europeu. A equipe retornou aos playoffs depois de sete anos. Apesar da derrota para o Cleveland Cavaliers no primeiro round, o elenco parecia promissor.

A temporada de 1992/93 foi semelhante com a última: em sexto lugar e derrotados nos playoffs logo na primeira rodada para os mesmos Cavaliers. O que parecia mais uma off-season tranquila, logo foi tomada pela notícia que Drazen Petrovic foi vítima de um acidente de carro na Alemanha, por volta das 17h do dia 7 de junho, aos 29 anos.

A morte da estrela croata desestabilizou a equipe que passou por mais longos anos sem uma boa performance na NBA. Os Nets aposentaram a camisa #3 no início da temporada 1993/94 em sua homenagem. Na Europa, Drazen também recebeu honrarias das equipes em que passou.